Fórum Econômico Mundial começa neste domingo

O evento, que reúne políticos, ministros e representantes do setor privado, debate especialmente a situação da Ucrânia
-Publicidade-
Depois de dois anos, em razão da pandemia, o Fórum Econômico Mundial volta a ser realizado
Depois de dois anos, em razão da pandemia, o Fórum Econômico Mundial volta a ser realizado | Foto: Divulgação/Fórum Econômico Mundial

O Fórum Econômico Mundial (WEF) começa neste domingo, 22, na cidade de Davos, na Suíça. O evento, que reúne políticos, ministros, banqueiros e representantes do setor privado, tem o objetivo de discutir a situação da economia global e como lidar com seus desafios.

A organização espera reunir cerca de 2,5 mil líderes mundiais. Entre os nomes confirmados, está o do presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky. O ex-comediante fará um discurso por videoconferência amanhã, segunda-feira, 23. Vladimir Putin, por sua vez, não está na lista de convidados. É a primeira vez que o evento não terá representantes russos desde o fim da União Soviética.

-Publicidade-

“A agressão da Rússia aparecerá nos livros de história como o colapso da ordem nascida depois da Segunda Guerra Mundial e da Guerra Fria”, afirmou o fundador do WEF, Klaus Schwab, em coletiva de imprensa. Ele salientou que Davos apoiará a Ucrânia em sua reconstrução.

No lugar da “Russia House”, local onde os visitantes iam para conhecer os costumes daquele país, Davos pôs a “Russia War Crimes House” (Casa dos Crimes de Guerra da Rússia).

Para representar o Brasil, o presidente Jair Bolsonaro (PL) enviou os ministros Paulo Guedes (Economia) e Marcelo Queiroga (Saúde).

O fórum, que terminará na quinta-feira 26, também discutirá temas como mudanças climáticas, tecnologia e “desigualdade de gênero”, entre outros.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

  1. O Tiririca que deveria participar desse forum de araque. O tema principal será a guerra na Ucrânia. Em que será convocado o mundo inteiro para entrar em guerra contra a Rússia.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.