Incêndio em prédio mata pelo menos 27 no Japão

A polícia está investigando o caso; não está descartada a hipótese de um ato criminoso
-Publicidade-
Incêndio atingiu prédio comercial e deixou mortos em Osaka, no Japão
Incêndio atingiu prédio comercial e deixou mortos em Osaka, no Japão | Foto: Reprodução/Redes Sociais

Um incêndio em um prédio comercial de oito andares em Osaka, no Japão, deixou pelo menos 27 pessoas mortas nesta sexta-feira, 17. As informações são da NHK e da agência de notícias Kyodo.

Até o momento, o Corpo de Bombeiros já confirmou ao menos três mortes.

O incêndio teve início pela manhã (pelo horário local), em uma região comercial da cidade japonesa. O fogo teria começado no quarto andar, onde funciona um centro médico, e foi controlado depois de cerca de meia hora.

-Publicidade-

Nos outros andares do edifício, que está localizado nas proximidades da principal estação ferroviária de Osaka, no centro da cidade, funcionam um salão de beleza, uma loja de roupas e uma escola de inglês, de acordo com a NHK.

“Não sabemos os detalhes ainda, mas pequenos edifícios com vários locatários às vezes têm apenas uma escada de emergência”, afirmou Ai Sekizawa, especialista em incêndios da Universidade de Ciência de Tóquio. Ele classificou o episódio como “chocante”.

As primeiras informações dão conta de que o incêndio pode ter causado a morte por asfixia ou inalação de fumaça enquanto as pessoas tentavam escapar.

A polícia está investigando o caso. Não está descartada a hipótese de um ato criminoso.

Em 2019, um incêndio criminoso um estúdio de animação na cidade de Kyoto matou mais de 30 pessoas.

Veja imagens da tragédia

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.