Israel doa vacinas, e Palestina dá início à imunização contra a covid-19

O governo israelense fornecerá aos palestinos cinco mil doses do imunizante produzido pela Moderna
-Publicidade-
Israel doa vacinas, e Palestina dá início à imunização contra a covid-19
Israel doa vacinas, e Palestina dá início à imunização contra a covid-19 | Foto: Reprodução/Mídias Sociais

A Palestina aplicou sua primeira vacina contra a covid-19 nesta terça-feira, 2, depois de receber milhares de doses de Israel, que já imunizou mais de um terço de sua população. O Ministério da Saúde palestino anunciou o início da campanha em um comunicado, dizendo que a ministra responsável pela pasta, Mai al-Kaila, recebeu a primeira dose, sendo seguida por vários trabalhadores médicos da linha de frente.

Israel iniciou o fornecimento de cinco mil doses da vacina da Moderna para os palestinos, que esperam adquirir mais dezenas de milhares dos imunizantes da Pfizer e da AstraZeneca nas próximas semanas, por meio da iniciativa Covax. Mesmo que essas entregas se concretizem, no entanto, pode levar vários meses até que a Palestina controle o surto do coronavírus na Cisjordânia e na Faixa de Gaza, onde vivem mais de 4,5 milhões de palestinos.

Leia também: “Israel avança com mais um projeto de vacina contra a covid-19”

-Publicidade-
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.