Revista Oeste - Eleições 2022

Milhares de moradores deixam Sydney em razão de inundações

Autoridades aconselham moradores a evacuar regiões afetadas, em cenário que combina chuvas torrenciais e ventos
-Publicidade-
Moradores de Sydney enfrentam inundação em vários pontos da cidade
Moradores de Sydney enfrentam inundação em vários pontos da cidade | Foto: Reprodução

Um cenário de chuvas torrenciais, ventos e inundações obrigou milhares de moradores a abandonarem Sydney nas últimas horas, seguindo orientações de autoridades. A maior cidade da Austrália enfrenta situação de calamidade, principalmente na região sudoeste, com estradas próximas obstruídas.

“Esta é uma situação de emergência com risco de vida”, disse Stephanie Cooke, ministra de serviços de emergência do Estado de Nova Gales do Sul.

As fortes chuvas causaram o derramamento da principal barragem de Sydney, complicando a dispersão de água. Na quarta-feira, pessoas foram resgatadas da enchente, incluindo uma que ficou pendurada em um poste por uma hora até que a equipe de resgate conseguisse alcançá-la.

-Publicidade-

O governo australiano forneceu cerca de 100 soldados e dois helicópteros para ajudar em qualquer resgate, disse o ministro da Defesa, Richard Marles. Segundo as autoridades, 29 pessoas foram resgatadas em situação de perigo no sábado 2.

As previsões do departamento local de meteorologia apontam para mais chuvas nos próximos dias, com temor sobre deslizamentos e piora na situação de inundação.

Especialistas sobre clima dizem que a emergência de inundações foi agravada pelo fenômeno conhecido como La Niña, que se desenvolve quando ventos fortes sopram as águas quentes da superfície do Pacífico na direção de América do Sul e Indonésia. Em seu lugar, águas mais frias se voltam à região costeira.

Assine a Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

3 comentários Ver comentários

  1. Se a menina já fez esse estrago todo, quando chegar a mãe e o pai, não sobrará nada.
    Governo lá tá fraco, apenas 100 soldados e 2 helicópteros? Tivemos muito mais do que 100 soldados e 2 helicópteros procurando apenas 2 desaparecidos na amazônia

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.