Opositor de Putin que foi envenenado deixa o hospital

Autoridades internacionais cobram uma investigação sobre o caso; Kremlin nega envolvimento
-Publicidade-
Alexei Navalny, político russo | Foto: Michał Siergiejevicz/Flickr
Alexei Navalny, político russo | Foto: Michał Siergiejevicz/Flickr

Autoridades internacionais cobram uma investigação sobre o caso; Kremlin nega envolvimento

Alexei Navalny
Alexei Navalny, político russo | Foto: Michał Siergiejevicz/Flickr

O líder da oposição russa Alexei Navalny recebeu alta médica na quarta-feira, 23, do hospital universitário de La Charité, em Berlim, onde era tratado após ter sido envenenado pela substância novichok.

-Publicidade-

Ele estava internado desde 22 de agosto – foram 32 dias no hospital, sendo 24 na UTI. Ainda na quarta, o porta-voz do Kremlin, Dimitri Peskov, disse que o opositor “está livre para voltar ao país”.

LEIA MAIS: COMO AS DEMOCRACIAS MORREM, na edição desta semana da Revista Oeste

Em um comunicado, a equipe médica que tratou do dissidente disse estar otimista quanto a sua recuperação total, mas advertiu que ele poderá ter sequelas.

Navalny havia sido transferido vindo de um hospital na cidade de Omsk, na Sibéria, onde deu entrada após desmaiar durante um voo.

O governo alemão confirmou no início do mês que ele havia sido envenenado – a substância foi desenvolvida por cientistas da antiga União Soviética para fins militares. A Rússia rejeita a acusação.

Na quarta, a Rússia anunciou uma ampliação na lista de funcionários da União Europeia que estão impedidos de entrar no país.

Segundo a porta-voz da diplomacia russa, Maria Zakharova, a medida é uma reação contra uma “campanha de desinformação em torno do cidadão russo Navalni orquestrada por países ocidentais”.

Com informações do Estadão Conteúdo

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site