Paquistão inicia negociações de paz com braço do Talibã no país

Anúncio foi feito pelo primeiro-ministro paquistanês, Imran Khan
-Publicidade-
Milicianos do Talibã voltaram a governar o Afeganistão depois de 20 anos
Milicianos do Talibã voltaram a governar o Afeganistão depois de 20 anos | Foto: Shutterstock/John Smith

O primeiro-ministro do Paquistão, Imran Khan, anunciou na sexta-feira 1º a abertura de uma rodada de negociações de paz com o Tehreek-e-Taliban Pakistan (TTP), braço do Talibã no país.

Segundo o chefe de Estado paquistanês, “há grupos dentro do Talibã que estão dispostos a ter conversações de paz e reconciliação com o nosso governo”. Esta é a primeira tentativa de negociação entre Paquistão e Talibã desde 2014.

Leia mais: “Com tiros para o alto, Talibã dispersa manifestação de mulheres no Afeganistão”

-Publicidade-

De acordo com informações da agência de notícias France-Presse, as negociações começaram há cerca de um mês, mas ainda não obtiveram grandes avanços.

Leia também: “Talibã proíbe mulheres na Universidade de Cabul”

O Paquistão ainda não reconheceu o novo governo afegão, comandado pelo Talibã. Na próxima semana, a vice-secretária de Estado dos Estados Unidos, Wendy Sherman, terá uma série de reuniões no país para tratar de uma possível cooperação contra o terrorismo.

Leia também: “Talibã pendura corpos de supostos sequestradores em público”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.