Por que Israel não se deixa vencer?

Colunista Brendan O’Neill explica, em artigo publicado na Edição 61 da Revista Oeste

-Publicidade-
Israel é alvo constante da esquerda ocidental
Israel é alvo constante da esquerda ocidental | Foto: Reprodução/Flickr

Em artigo publicado na Edição 61 da Revista Oeste, o colunista Brendan O’Neill expõe a maneira como a esquerda ocidental, aliada ao Islã, juntam-se para derrubar o Estado de Israel.

Leia um trecho

-Publicidade-

“Há três semanas forças turcas lançaram um ataque militar na região de Duhok, no Curdistão iraquiano. Os moradores foram forçados a “fugir aterrorizados” da chuva de bombas. Foi apenas o mais recente bombardeio aos curdos, já cerceados, feito pela Turquia, membro da Otan e aliada do Ocidente. Não chegou aos trending topics da internet. Não houve protestos barulhentos em Londres ou Nova York. Os turcos não foram comentados nos círculos descolados como assassinos enlouquecidos e sanguinários. Os usuários do Twitter não revelaram seus sonhos de que os turcos queimassem no inferno. O jornal satírico The Onion não fez nenhuma piada desconfortável sobre soldados turcos amarem matar crianças. Não, o ataque a Duhok passou praticamente despercebido.

Mas, quando Israel se envolve em uma operação militar, a história muda. Sempre. Toda vez. A fúria anti-Israel no Ocidente chegou a um nível extraordinário depois da escalada de violência no Oriente Médio nos últimos dias. Os protestos foram instantâneos e incendiários. Bandeiras de Israel foram queimadas nas ruas de Londres. As redes sociais foram tomadas por condenações. The Onion tuitou: “Soldado das Forças de Defesa de Israel reconta as terríveis e heroicas histórias de guerra sobre matar um bebê de 8 meses” — foram dezenas de milhares de curtidas. Israel precisa ser boicotado, isolado, banido da comunidade internacional, gritou a esquerda. Políticos do Ocidente, incluindo o líder do Partido Trabalhista no Reino Unido, o britânico Keir Starmer, apressaram-se em criticar. “Qual é a diferença?”, lia-se na placa de um protesto em Washington que mostrava a bandeira israelense ao lado da bandeira nazista. Os judeus são os nazistas de agora, sabe. Irônico, não?.”

Gostou? Dê uma olhada no conteúdo abaixo.

Revista Oeste

A Edição 61 da Revista Oeste vai além da coluna de Brendan O’Neill sobre o ódio da esquerda ocidental contra Israel. A publicação digital conta com reportagens especiais e artigos de J. R. Guzzo, Augusto Nunes, Silvio Navarro e Afonso Marangoni, Ana Brambilla, Ana Paula Henkel, Guilherme Fiuza, Rodrigo Constantino, Evaristo de Miranda e Dagomir Marquezi.

Startup de jornalismo on-line, a Revista Oeste está no ar desde março de 2020. Sem aceitar anúncios de órgãos públicos, o projeto é financiado diretamente por seus assinantes. Para fazer parte da comunidade que apoia a publicação digital que defende a liberdade e o liberalismo econômico, basta clicar aqui, escolher o plano e seguir os passos indicados.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site