Protestos contra alta de inflação se espalham pelo Peru

Em algumas áreas do país, os manifestantes também pedem a renúncia do presidente Pedro Castillo
-Publicidade-
Manifestações foram registradas em várias regiões para criticar a alta dos preços
Manifestações foram registradas em várias regiões para criticar a alta dos preços | Foto: Reprodução/Twitter

Os protestos contra a alta da inflação estão se espalhando pelo Peru. Na quarta-feira 6 o país viveu um dia de saques e ataques a prédios públicos. A tensão se mantém em várias regiões, inclusive onde o presidente Pedro Castillo foi eleito com grande apoio popular.

O governo anunciou medidas para atender às reivindicações dos manifestantes, liderados pelos setores agropecuários e de transportes, que criticam o aumento dos preços dos fertilizantes e dos combustíveis, mas isso não foi suficiente para suspender os protestos no Peru.

Manifestações foram registradas em várias regiões para criticar a alta dos preços, com uma inflação que subiu 1,5% em março, o índice mais alto em 26 anos.

-Publicidade-

Em algumas áreas, os grupos também pediam a renúncia de Castillo, agravando uma crise política que já levou o presidente a superar dois processos de destituição no Congresso.

Toque de recolher aumentou os protestos

No começo da semana, o presidente do país, Pedro Castillo, anunciou um toque de recolher para conter as manifestações, no entanto, a medida teve o efeito oposto ao desejado pelo governo e provocou um aumento das manifestações. Castillo acabou revogando o toque de recolher.

Apesar do recuo de Castillo, manifestantes promoveram uma série de ataques a prédios públicos durante a madrugada de ontem, inclusive contra as sedes do Congresso e da Corte Suprema.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

12 comentários Ver comentários

  1. Só mais um exemplo da administração que a esquerda é capaz.
    Aqui também tivemos problema com a esquerda, representada por 9 do STF e uma sub-classe de políticos na Câmara e Senado que tiveram a pouca vergonha em criar uma CPI do Covid, junto com invenções como a de Toffoli, o tribunal das Fake News (o, yes), e uma perseguição política contra nosso excelente governo que garantiu nossa harmonia com o auxílio emergencial e a não intervenção na economia que fez da produção da agricultura bater recordes, além de garantir o valor da nossa moeda, o Real.

  2. 19 de Julho de 2021. Foi a data que sufragou o atual presidente do Perú, Pedro Castillo (pronuncia-se Castilho), o chapeleiro louco. Então, já houve uma treta por lá, semana passada, quando o “El sombrerero loco” recomendou a população faminta comesse todos os pombos do Perú. Pois bem, já comeram todos, agora partiram para o pau. Vamos ver se ele vai recomendar comer adubo NPK también.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.