Putin entra em isolamento depois de assessores terem contraído covid-19

Segundo o Kremlin, o líder russo está 'completamente saudável' e não foi diagnosticado com a doença
-Publicidade-
O presidente da Rússia, Vladimir Putin, está em 'isolamento preventivo'
O presidente da Rússia, Vladimir Putin, está em 'isolamento preventivo' | Foto: Reprodução/Redes sociais

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, entrou em “isolamento preventivo” depois de alguns assessores próximos terem sido infectados pelo novo coronavírus, informou o Kremlin nesta terça-feira, 14. As identidades dos funcionários do governo que contraíram a covid-19 não foram divulgadas.

Ainda segundo o gabinete presidencial, Putin está “completamente saudável” e não foi diagnosticado com a doença. A medida, portanto, seria apenas uma forma de prevenção.

Leia mais: “Duas opções para quem não concorda com Vladimir Putin: prisão ou exílio”

-Publicidade-

O líder russo tomou as duas doses da vacina Sputnik V. Ele teve de cancelar uma viagem ao Tadjiquistão que estava programada para esta semana — Putin participaria de reuniões sobre a situação no Afeganistão.

“Todos nós sabemos que a vacina é uma garantia de proteção contra consequências sérias, mas casos de covid-19 ainda são possíveis”, afirmou o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov.

Leia também: “Líder da oposição russa descreve sua vida na prisão”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro