Reino Unido vai começar a utilizar o remdesivir no tratamento do coronavírus

O governo britânico informou que a droga será receitada para aqueles pacientes que serão mais beneficiados, mas não informou quantas pessoas serão tratadas.
-Publicidade-
Foto: Guilead/Divulgação
Foto: Guilead/Divulgação | remdesivir

Anúncio foi feito pelo ministro da Saúde, Matt Hancock; resultados de testes com a droga serão divulgados ainda neste mês

remdesivir
Foto: Gilead/Divulgação
-Publicidade-

O governo do Reino Unido anunciou que vai utilizar o antiviral remdesivir  para tratar uma certa quantidades de pacientes com coronavírus. De acordo com o ministro da Saúde do país, Matt Hancock, o tratamento será feito com a colaboração do fabricante do medicamento, a Gilead Sciences.

O Ministério da Saúde afirmou que os testes com o remdesivir em todo o mundo tiveram resultados promissores, adiantando em 4 dias o prazo de recuperação dos pacientes, informa a Reuters.

“Esse é provavelmente o maior passo em direção a um tratamento do coronavírus desde o início da crise”, afirmou Hancock em uma conferência com a imprensa. “Ainda é um estágio inicial, mas estamos determinados a apoiar a ciência e bancar projetos que mostrem-se promissores”, completou.

MAIS: Fabricante do remdesivir se une a fornecedores de genéricos

O governo informou que a droga será receitada para aqueles pacientes que serão mais beneficiados, mas não informou quantas pessoas serão tratadas.

A Gilead Sciences disse que espera receber os resultados de um estudo realizado com pacientes com sintomas moderados da covid-19 ainda neste mês.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

4 comments

  1. É esta a razão do salafrário presidente da OMS condenar a Hidroxicloroquina. Eu já tinha previsto esse vigarismo da OMS e das redes de televisão , principalmente da CNN. Eles já estavam colocando essa medicação Remdesivir como provável arma para combater o Corona Vírus. O Remdesivir foi produzido para o combate ao Ebola. O laboratório Gilead Scienc, querendo recuperar o dinheiro investido, resolveu por ser um antiviral, dizer que é bom para o Covide 19. Apenas , ainda não foi testado clinicamente, nem cientificamente. É como um voo cego no escuro. Para isto tentam tirar do mercado a Hidroxicloroquina que está apoiada em estudos clínicos. Por trás desse laboratório está o falso cientista Anthony Fauci , que está sendo acusado pela cientista de roubar trabalhos científicos para ganhar dinheiro. O mais grave, é que devido a patente é caríssimo: 400 dólares o tratamento de 05 dias. A hidroxicloroquina já testada e comprovada clinicamente custa apenas 15 reais. A jogada é desacreditar a hidroxicloroquina e obrigar o governo brasileiro a comprar essa medicação. O laboratório já avisou, vejam que falta de vergonha, que se DER CERTO, terá o custo de 4000 dólares ou 24 mil reais.

  2. Peço aos profissionais da revista Oeste, fazerem uma CAMPANHA NACIONAL, no sentido de viabilizar o COMÉRCIO DE SANGUE no Brasil. Os bancos de sangue em vários hospitais estão com estoques baixos, devido à escassez de doadores. A possibilidade de comercialização, como é usual em outros Países, irá sanar o problema definitivamente, normalizando os estoques. SANGUE É ESSENCIAL À VIDA.
    .

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site