Rússia anuncia retomada de voos para o Brasil a partir de 1º de dezembro

Também foram autorizadas rotas aéreas para Bangladesh, Mongólia, Costa Rica, Argentina, Cuba, México e Catar
-Publicidade-
Voos regulares para o Brasil estarão liberados na Rússia a partir de dezembro
Voos regulares para o Brasil estarão liberados na Rússia a partir de dezembro | Foto: Reprodução

O governo da Rússia anunciou nesta terça-feira, 16, a retomada de voos para o Brasil a partir do dia 1º de dezembro. A informação foi divulgada pelo comitê de saúde que comanda as ações de enfrentamento da pandemia de covid-19.

Além do Brasil, que registra uma queda significativa de casos e mortes pela doença nos últimos meses, estarão novamente liberados voos para Bangladesh, Mongólia, Costa Rica, Argentina, Cuba, México e Catar.

Em um comunicado, o governo russo informou que, “após discussão e considerando o ambiente epidemiológico em certos países, foi decidido levantar as restrições aos voos regulares e não regulares”.

-Publicidade-

Os voos comerciais para o exterior haviam sido suspensos na Rússia em março de 2020, no início da pandemia. De lá para cá, o país vem flexibilizando as restrições. Até o momento, a Rússia já retomou o serviço aéreo com 71 países. De acordo com a agência de notícias Tass, serão dois voos semanais para a Argentina e o Brasil, nas rotas Moscou-Buenos Aires e Moscou-Rio de Janeiro.

Nas últimas 24 horas, a Rússia registrou mais de 37 mil casos de covid-19 e cerca de 1,1 mil mortes. Clique aqui para saber os principais dados e a evolução da pandemia no Brasil e no mundo.

Com informações da agência Reuters

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

  1. Bom o Putin não é como Bolsonaro. Putim da medo, Bolsonaro da pena. Você pode gostar ou não da Russia. Eu acho que não e um pais comunista, ainda não se ajoelha como o faz o Brasil ante os globalistas botando vacinas experimentais estrangeiras para seus cidadãos. Pelo menos uma porcaria ou não os Russos tem sua vacina produto de seus laboratórios e ainda não estão obrigando ninguém a se vacinar por que eles proibiram a vacinação obrigatória. No Brasil qualquer tirano de prefeitura pequena pode fazer com você o que quiser em quanto Bolsonaro fica olhando e se lamentando

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.