Senado dos EUA aprova emenda que oferece livre acesso à internet em Cuba

Proposta foi apresentada pelos senadores Marco Rubio e Rick Scott, ambos do Partido Republicano
-Publicidade-
Em breve, cubanos poderão acessar internet livremente
Em breve, cubanos poderão acessar internet livremente | Foto: Reprodução/Twitter

O Senado dos Estados Unidos aprovou ontem, quarta-feira 11, uma emenda que solicita ao governo do presidente Joe Biden a oferta de livre acesso à internet em Cuba. A proposta foi apresentada pelos senadores Marco Rubio e Rick Scott, ambos do Partido Republicano. Segundo os políticos, o fornecimento de internet auxiliará a população cubana, privada de informação pelo regime comunista.

“A repressão do regime deixa clara a necessidade de agir agora”, afirmou Rubio, em mensagem publicada nas mídias sociais. “Felizmente, a tecnologia existe para fornecer conectividade.”

Na mesma nota, Scott ressaltou a importância de permitir ao povo cubano o livre acesso à informação. “Temos de tomar medidas imediatas para implementar toda a tecnologia necessária para facilitar o livre fluxo de informação na ilha, bem como amplificar as vozes do povo cubano por meio da aprovação desta emenda”, disse.

-Publicidade-

Agora, o texto será enviado à Câmara dos Representantes.

Leia também: “Ditadura cubana premia com ‘cesta básica’ boxeador que ganhou medalha de ouro em competição”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro