Senadores democratas pedem que Biden advirta Bolsonaro para ‘sérias consequências em caso de ruptura’

Documento foi enviado através do chanceler Antony Blinken
-Publicidade-
Carta é assinada por parlamentares influentes na legenda
Carta é assinada por parlamentares influentes na legenda | Fotomontagen/Revista Oeste

O presidente da Comissão de Relações Exteriores do Senado dos Estados Unidos, Bob Menendez, e mais três senadores do Partido Democrata intimaram o presidente Joe Biden. Em carta enviada ao chanceler Antony Blinken, o grupo pede que a Casa Branca interfira no Brasil para evitar o que chamou de “deterioração da democracia brasileira sob Jair Bolsonaro”.

“Pedimos que deixe claro que os EUA apoiam as instituições democráticas do Brasil e que qualquer ruptura antidemocrática com a ordem constitucional atual terá sérias consequências”, solicitaram os parlamentares, no documento divulgado na terça-feira 28. Os congressistas expressaram temores a respeito de “alegações cada vez mais perigosas do chefe do Executivo”.

Assinam a nota Dick Durbin, número dois na liderança do Partido Democrata no Senado; Bob Menendez, presidente da Comissão de Relações Exteriores da Casa; Ben Cardin, da mesma comissão; e Sherod Brown, da Comissão de Agricultura e Florestas.

-Publicidade-

Leia também: “Uma Pergunta para J. R. Guzzo: Qual a sua opinião sobre os mil dias do governo Bolsonaro?”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

30 comentários Ver comentários

  1. Para a nossa pátria , Brasil, é muito melhor uma “ditadura” com Bolsonaro, do que uma “democracia” com o ex presidiário lula (minúsculo mesmo).

    1. Saíram correndo do Afeganistão, assim como do Vietnã, e não aprendem nunca?
      Se for para o Brasil ficar com medo de qualquer país é melhor acabar com nossas forças armadas.

  2. Pena que Bolsonaro não cumpriu o que disse após o povo ter atendido sua convocação dia 07, sinalizando para ele que quer a intervenção militar naquele STF putrefato e esquerdista, cuja função única e exclusivamente deveria ser cumprir o que diz a constituição. Presidente Covarde Bravateiro!

  3. É a corja petista americana, não sabe o que fala nem o que faz. Inconsequentes. Chapa Biden na mira do impeachment pelo descontentamento geral em menos de um ano de mandato.

  4. Ninguém está interessado no que senadores democratas ou republicanos dos EUA pensam do Brasil e de suas instituições democráticas. A propósito, esses caras esquecem q a nossa presidência da república também é uma das instituições democráticas q temos e q vem sendo sistematicamente atacada e ceifada de suas atribuições. Relevante seria se Biden encaminhasse essa tal carta a Bolsonaro. Não vejo essa coragem nele.

  5. Mas que palhaçada é essa? Não cuidam nem do próprio país que está um caos graças ao desgoverno democrata que usurpou as eleições por lá, e vem se meter na casa dos outros, vão cuidar do que é de vocês, antes que seja tarde demais, qual o real interesse em se meter na política do Brasil? Estão com medo que o verdadeiro dono tome conta da casa e não deixe mais vocês se meterem aqui, é isso?

  6. Estes malandros americanos, certamente são os mesmos que tramaram contra Donald Trump, fraudando as eleições e minando o governo com o apoio da imprensa. Semelhante a qual pais mesmo?!

  7. Esse pessoal do “Bidê, devem ser como a corja do PSOL e pt, PDT, PCdoB e outros lixos, que “se dizem” defensores da democracia, mas são comunistas. A tal democracia de maduro. Foram colocados lá, sob fraude e com ajuda da ching. Não têm moral, ainda mais depois do Afganistão. Deixaram para os terroristas US$ 87 bilhões em armamentos de última geração. Pra mim, foi combinado.

  8. Eles não interferem na Africa escravizada pela China, nos escravizados pelo Putin, na Venezuela com centenas de assassinados por um ditador criminoso. Só faltava esse decrépito dar ouvidos a isso! O povo americano e o Trump muito em breve interferirão ai, isso sim!

  9. eu vou dar muita risada quando vir a casa branca com um presidente Muçulmano e as negras americanas com seus punhos erguidos e suas burcas negras cobrindo seus rostos e suas bocas imundas…
    enfim, esta carta representa a verdade do nacionalismo americano, um bando de gordos mórbidos que riem de idiotas como Jim Fellow, e assistem Lucifer para entender o que aconteceu com sua religiosidade!
    Eu mando a resposta para os Bichonas americanos Randolfe, omar e renam que nos enviaram a pérola supra citada.
    Vão chupar um canavial de rola…

  10. Essa gangue de esquerdistas sempre envia tais cartas – nada surpreendente. E não se iludam: esses imbecis não escrevem as mesmas por conta própria; eles são muito bem alimentados por quintas-colunas brasileiros que vivem nos EUA.

  11. Os americanos têm o castigo do partido democrata. E ainda perderam um presidente nacionalista como a tempos eles não tinham. O futuro parece sombrio lá no norte.

  12. Quem quer ruptura justamente é quem eles apoiam. E não dizem nada, como o Fux, sobre lideranças sindicais de esquerda que desejam escalpelar ministros do STF e do Congresso. Eles sabem disto ou ainda acreditam que Buenos Aires é a capital do Brasil? Além disto, eles estão querendo ruptura com o presidente que sempre apoiou os EUA.

      1. É claro que estes senhores do Governo Biden tem o mesmo problema de caráter dos que se dizem democratas aqui. Inacreditável. Agora a esquerda podre é democrática. Faz-me rir.

    1. Porque esses senadores não resolvem a lambança que fizeram no Afeganistão?? Porque não atuam na Venezuela? Porque não resolvem seus próprios problemas ao invés de dar palpite nós problemas dos outros. Não tem roupa pra lavar em casa não?

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.