Tempestade repentina mata alpinistas que escalavam Monte Elbrus, o maior da Europa

Operação de resgate durou mais de cinco horas e só terminou durante a madrugada; 14 pessoas foram salvas
-Publicidade-
Equipes de resgate salvaram 14 dos 19 alpinistas que escalavam o Monte Elbrus
Equipes de resgate salvaram 14 dos 19 alpinistas que escalavam o Monte Elbrus | Foto: Ministério de Emergências da Rússia

Pelo menos cinco alpinistas que escalavam o Monte Elbrus, maior pico da Europa, morreram nesta sexta-feira, 24, em meio a uma tempestade repentina, segundo informações do Ministério de Emergências da Rússia.

O Elbrus tem uma altitude de 5.642 metros e está localizado nas Montanhas do Cáucaso. Ao todo, 19 alpinistas faziam a escalada no momento da tempestade — 14 foram resgatados e atendidos por uma equipe médica.

Leia mais: “Rússia é responsável por morte de ex-espião no Reino Unido, decide tribunal europeu”

-Publicidade-

“Os socorristas trabalharam em condições muito difíceis. A força do vento alcançou entre 40 e 70 metros por segundo e a temperatura caiu a 20 graus negativos”, informou o ministério.

A operação de resgate durou mais de cinco horas e só terminou durante a madrugada. Foram mobilizados 69 profissionais e 16 veículos para retirar os alpinistas do local.

Leia também: “Somália tem primeira sessão de cinema em 30 anos”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.