Terroristas do Talibã matam parente de jornalista de emissora alemã

Diretor de jornalismo afirma haver uma caçada a profissionais de imprensa
-Publicidade-
Governo alemão foi acionado para tomar providências
Governo alemão foi acionado para tomar providências | Foto: Reprodução/Twitter

A Deutsche Welle (DW) no Afeganistão informou nesta sexta-feira, 20, que talibãs assassinaram a tiros o parente de um repórter da emissora que atua no país. Outro familiar do profissional ficou gravemente ferido, enquanto os demais conseguiram fugir do que a imprensa estrangeira já considera atentado.

“O assassinato de um parente de um de nossos editores pelos talibãs é incrivelmente trágico e ilustra o grave perigo em que se encontram todos os nossos funcionários”, declarou Peter Limbourg, diretor-geral da DW, em um comunicado. Pelo menos três jornalistas estão na mira dos radicais.

Segundo Limbourg, os terroristas estão executando operações organizadas de busca de correspondentes, tanto em Cabul como nas províncias. “O tempo está acabando”, disse. A DW e outros meios de comunicação pediram ao governo da chanceler Angela Merkel que atuem para ajudar seus funcionários.

-Publicidade-

Leia também: “Membro do Talibã manda jornalista da CNN cobrir o rosto durante reportagem no Afeganistão”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

3 comentários

  1. Há relatos de que, durante a campanha da FEB na Itália na 2ª guerra mundial, vários pracinhas foram abatidos com o chamado “fogo amigo” disparado pelos “aliados” americanos e dizem que não foram poucos. Então, é nisso que dá acompanhar esse caras em qualquer campanha militar essa do Afeganistão então é uma vergonha sem par, que beira à traição aos aliados e até mesmo a seus cidadãos que simplesmente foram abandonados para serem mortos pelos Talibãs, de forma mais covarde possível. Isso é um grande aviso aos japoneses, Taiwaneses e australianos que se dispuseram a aliar a americanos em caso de uma agressão chinesa, cuidado com esses gringos!

  2. Ué, não é a grande mídia que apoia o Biden, é contra o imperialismo americano e a favor da influência chinesa no mundo (comunismo) e de grupos terroristas?
    E agora que estão matando e sensurando jornalistas vêm pedir arrego? Prá quem?
    Virem-se!

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro