Trump cancela reunião do G-7; cúpula vai ser por videoconferência

Por causa da pandemia de coronavírus, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, decidiu cancelar o encontro presencial do G-7, que estava planejado para junho. A reunião iria acontecer em Camp David, casa de campo que serve ao presidente norte-americano.
-Publicidade-
Foto: Casa Branca
Foto: Casa Branca

A medida foi adotada devido à pandemia de coronavírus

Por causa da pandemia de coronavírus, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, decidiu cancelar ontem, quinta-feira 19, o encontro presencial do G-7, que estava planejado para junho.

-Publicidade-

A reunião iria acontecer em Camp David, a casa de campo que serve ao presidente americano e fica no Estado de Maryland.

Agora, no lugar da cúpula presencial será realizada uma videoconferência entre os líderes.

O G-7 reúne sete das principais economias do mundo: Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido.

O cancelamento do encontro presencial faz parte do esforço da Casa Branca em minimizar o avanço do coronavírus.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.