Vacina da Pfizer é 90% eficaz em crianças de 5 a 11 anos

É o que conclui um estudo contratado pela própria farmacêutica
-Publicidade-
A vacina da Pfizer tem mais de 90% de eficácia em crianças de 5 a 11 anos
A vacina da Pfizer tem mais de 90% de eficácia em crianças de 5 a 11 anos | Foto: Dirceu Portugal/FotoArena/Estadão Conteúdo

A vacina da Pfizer/BioNTech contra a covid-19 é mais de 90% eficaz na prevenção de infecções em crianças de 5 a 11 anos, informou a farmacêutica nesta sexta-feira, 22. Os dados foram entregues à Food and Drug Administration (FDA), a agência regulatória sanitária dos Estados Unidos.

O estudo analisou 2.268 crianças de 5 a 11 anos que receberam duas doses da vacina ou placebo, com três semanas de intervalo. Cada uma das doses teve um terço da quantidade administrada em adolescentes e adultos.

Ao todo, 1,5 mil crianças receberam a vacina, enquanto pouco mais de 700 tomaram o placebo. De acordo com os pesquisadores, 16 crianças que receberam o placebo foram infectadas com o coronavírus, em comparação com três que receberam o imunizante da farmacêutica norte-americana.

-Publicidade-

Em setembro, Pfizer e BioNTech anunciaram que a vacina é segura e induz resposta imune em crianças dessa faixa etária.

Vacinação de crianças

Conforme noticiou Oeste, os Estados Unidos anunciaram um plano de vacinação contra a covid-19 para crianças entre 5 e 11 anos. Com isso, mais de 28 milhões de pessoas poderão ser imunizadas contra a doença.

A Pfizer corre para obter a aprovação de sua vacina.

Leia também: “O que o setor privado pode fazer pela vacinação”, reportagem de Paula Leal publicada na Edição 55 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

7 comentários Ver comentários

  1. Nenhuma criança morreu tomando placebo. Deixem as crianças adquirirem anticorpos naturais. Sabe lá o que essa vacina vai provocar a longo prazo

  2. Onde estão os dados comprovatórios de eficácia, percentuais analisados, aplicados a pesquisa, quem pesquisou!!?? A “farmacêutica informou”, basta? hahahaha. Na casa da minha avó tem um papagaio que também fala….! Na boa, é só os pais terem bom senso e não se submeterem a isso.

  3. Ah tá. A própria Pfizer PAGOU o estudo.🤔
    Um experimento genético em massa (MGE) obtido por constrangimento coletivo tipo: ou toma ou é demitido por JC, terá seu direito ir e vir restringido, não será admitido etc. Jamais definirei tal experimento como vacina!! Se penso, logo existo. Pesquisem no COS.TV pela professora PhD em ética Julie Ponesse da University of Western Ontario que foi demitida em 7 de setembro.

  4. LOBO AFIRMA QUE É 90% EFICAZ VIGIANDO AS OVELHAS
    Verdadeiramente RevistaOeste teria que mudar de nome para GloboEste.
    Se você olha a bula da vacina Pfizer Comirnaty ( o mesmo AstraZeneca, Moderna, Janssen, Sinovac, etc) e ainda toma vacina, você e um perfeito incauto.
    Leia a bula antes de tomar! Sobre tudo onde fala de efeitos desconhecidos! Entende? DESCONHECIODOS!!! É um medicamento gênico. Tem que escutar Luc Montagner! ele é um Premio Nobel, não é o Dr. Queiroga. Ele fez uma declaração juramentada a pouco preocupante em relação as vacinas Covid. Por que um virologista Premio Nobel falaria isso. Lembre! o cara foi o descobridor do HIV, não é o Queiroga.
    Simplorio:
    Uma pessoa prudente prevê o perigo e toma precauções. O simplório segue cegamente e sofre as consequências.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.