‘Vacinação VIP’ derruba ministro da Saúde da Argentina

Com queda, presidente Alberto Fernández já definiu o futuro da pasta
-Publicidade-
Ginés González García renunciou ao cargo de ministro da Saúde da Argentina | Foto: Reprodução/YouTube
Ginés González García renunciou ao cargo de ministro da Saúde da Argentina | Foto: Reprodução/YouTube | Foto: Reprodução/YouTube

O escândalo que ficou conhecido como “vacinação VIP” culminou na queda do ministro da Saúde da Argentina, Ginés González García. Acusado de ter criado um centro paralelo de vacinação contra a covid-19 para beneficiar somente seus amigos e aliados, ele renunciou ao cargo no último sábado, 20.

Leia mais: “Coreia do Sul: o caminho do meio no combate à pandemia”

-Publicidade-

Em seu pedido de demissão entregue ao presidente Alberto Fernández e divulgado na imprensa, González García não negou as acusações sobre o esquema para vacinar determinadas pessoas. Contudo, garantiu ter ajudado somente na imunização de quem pertence aos chamados grupos de risco, como idosos de mais de 70 anos de idade.

Com a queda de González García, Alberto Fernández já definiu quem vai comandar o Ministério. Na noite de ontem, o presidente confirmou a nomeação de Carla Vizzotti. Ela já vinha atuando na pasta como secretária do departamento de Acesso à Saúde. Promovida, agradeceu ao presidente.

“Todas as vacinas serão administradas de acordo com critérios sanitários precisos”

“A decisão do presidente é que levemos adiante o maior plano de vacinação da nossa história, com a maior celeridade e oferecendo a cada argentino e argentina a tranquilidade de que todas as vacinas serão administradas de acordo com critérios sanitários precisos”, afirmou a nova ministra em seu perfil no Twitter.

Painel da covid-19 — os números da doença do Brasil e no mundo

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site