Vamos tirar Maduro de lá, diz secretário de Estado de Trump no Brasil

Declaração foi dada em Roraima, onde se encontrou com refugiados venezuelanos e com o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo
-Publicidade-

Declaração foi dada em Roraima, onde se encontrou com refugiados venezuelanos e com o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo

Secretário de Estado norte-americana, Mike Pompeo | Foto: Reprodução/Itamaraty
-Publicidade-

O secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, subiu o tom contra o ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, e disse: “vamos tirá-lo de lá”.

A declaração foi dada nesta sexta-feira, 18, durante visita ao Brasil. Ele foi à Boa Vista, em Roraima, onde se encontrou com refugiados venezuelanos e com o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo.

LEIA MAIS: EUA proibirão ‘downloads’ de TikTok e WeChat no domingo

“Não devemos esquecer que ele está destruindo seu próprio país e também é um traficante de drogas. Está impactando na vida dos Estados Unidos, mas vamos tirá-lo de lá”, disse o secretário de Estado.

Pompeo afirmou que os Estados Unidos querem “representar as pessoas da Venezuela” e que a missão do país é “assegurar que a Venezuela tenha uma democracia”.

Em reação à visita, o ditador Nicolás Maduro afirmou que o secretário de Trump está em uma “viagem de guerra contra a Venezuela”.

US$ 30 milhões

Pompeo
Secretário de Estado norte-americana, Mike Pompeo | Foto: Reprodução/Itamaraty

Segundo a embaixada dos Estados Unidos no Brasil, o encontro deveria discutir a imigração venezuelana no país.

O governo Trump disse que o objetivo da visita é “ressaltar o apoio dos EUA aos venezuelanos” e que vai enviar ao Brasil mais US$ 30 milhões para auxiliar no acolhimento dos imigrantes.

Do Brasil, Pompeo seguiu para Bogotá, na Colômbia. Na visita à América do Sul ele visitou todos os países que fazem fronteira com a Venezuela.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site