Vaticano não exigirá atestado anticovid para audiência geral com o papa

Evento ocorre às quartas-feiras e é o principal encontro do líder da Igreja Católica com os fiéis
-Publicidade-
O papa Francisco
O papa Francisco | Foto: Divulgação/Vaticano

Os fiéis não precisarão de certificado anticovid-19 para frequentar a audiência geral semanal do papa Francisco. O evento ocorre todas as quartas-feiras e é visto como o principal encontro do líder da Igreja Católica com os devotos. A informação foi divulgada nesta terça-feira, 10, pela Ansa, agência de notícias da Itália.

Leia também: “Papa retoma audiência com fiéis 1 mês depois de ser operado”

No último fim de semana, surgiram rumores de que o Vaticano adotaria o “passe verde” para a reunião. Criado pelo governo italiano, o documento é emitido para quem estiver completamente vacinado contra a covid-19, recebeu a primeira dose de um imunizante há mais de 15 dias, está curado da doença há menos de seis meses ou possui um teste negativo para a infecção realizado há menos de 48 horas. A Santa Sé ainda estuda se irá exigir o certificado para celebrações em ambientes fechados.

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro