Viajantes da África do Sul testam positivo para covid-19 na Holanda

Pelo menos 61 pessoas foram infectadas pelo coronavírus; não se sabe quantos pegaram a variante Ômicron
-Publicidade-
Ômicron, nova variante do coronavírus, foi detectada na África do Sul
Ômicron, nova variante do coronavírus, foi detectada na África do Sul | Foto: Gerd Altmann/Divulgação/Pixabay

Vindos da África do Sul, 61 viajantes testaram positivo para a covid-19 ao chegar à Holanda. A informação foi confirmada na sexta-feira 26 pelas autoridades sanitárias do país europeu.

Até o momento, não se sabe se e quantas dessas pessoas foram infectadas pela nova variante do coronavírus, a Ômicron, detectada originalmente na África do Sul e que seria mais contagiosa que as anteriores.

Ao desembarcarem em território holandês, viajantes passaram horas em longas filas para realizar testes para covid-19. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a Ômicron é considerada uma “variante de preocupação”.

-Publicidade-

“Estamos pesquisando se alguns dos casos são da nova variante de preocupação. Esperamos ter os resultados o mais breve possível”, informou a autoridade sanitária da Holanda.

O ministro da Saúde do país, Hugo de Jonge, anunciou que todos os viajantes que chegarem à Holanda terão de ser submetidos a testes e quarentena, por precaução.

O governo local proibiu todas as viagens aéreas cuja origem seja o sul da África. Apesar da medida, dois voos da KLM, com cerca de 600 passageiros, desembarcaram em Amsterdã.

A nova variante

Em menos de 25 dias, a África do Sul registrou mais casos da Ômicron do que a soma das cepas Delta e Beta em 50 dias. As informações se fundamentam no sequenciamento genético sobre o vírus realizado no país africano. De acordo com a publicação, já são 59 casos com essa mutação. Entretanto, outras fontes listam 79 análises.

O novo patógeno pode ter causado 90% dos 1,1 mil casos da covid-19 notificados no dia 24 na província de Gauteng, estimam as autoridades locais.

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.