Visto cancelado de Djokovic foi uma decisão irracional, afirma advogado do tenista

Ministro da Imigração da Austrália fechou o cerco sobre o atleta
-Publicidade-
Tenista sérvio Novak Djokovic
Tenista sérvio Novak Djokovic | Foto: Shutterstock

O visto cancelado de Djokovic foi uma decisão irracional. É o que avaliou Nicholas Wood, advogado do tenista sérvio Novak Djokovic, nesta sexta-feira, 14, ao comentar a decisão do ministro do Interior da Austrália, Alex Hawke.

“O senhor Hawke escolheu remover da Austrália um homem de boa reputação e prejudicar sua carreira por causa dos comentários que Djokovic fez em 2020”, afirmou Wood. “É uma abordagem radicalmente nova do governo”.

O tenista deve ser interrogado outra vez por oficiais de imigração no sábado, antes de uma audiência prevista para o domingo, na Corte Federal da Austrália, em que Djokovic deve dar explicações sobre seu caso polêmico.

-Publicidade-

Visto cancelado de Djokovic teve manobras do governo

Conforme noticiou a Revista Oeste pela manhã, o governo australiano cancelou o visto de Djokovic. Desta forma, o atleta pode ficar fora da disputa do Aberto da Austrália, que começa no próximo dia 17.

O ministro da Imigração, Alex Hawke, usou poderes discricionários para cancelar o visto do tenista, depois que um tribunal anulou uma revogação anterior e o liberou da detenção de imigração no início da semana.

De acordo com essa lei, Djokovic não poderá obter um visto para a Austrália pelos próximos três anos, exceto em circunstâncias imperiosas.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

10 comentários Ver comentários

  1. Esse, com tudo que abriu mão, mostra o quanto importante é, ter caráter.
    Não é à toa que é um atleta diferenciado.
    “Descer a correnteza” é sempre mais fácil.
    Poucos são os têm coragem de “subir a correnteza”. O mundo precisa cada vez mais de gente assim. Aceitar o que estão querendo nos impor, está muito perigoso. O mundo já passou por coisa parecida, não faz muito tempo.
    Enquanto estão perseguindo os outros, está tudo bem. Ele sabe muito bem o que é viver em um país onde não se tinha tanta liberdade.

  2. Chega de “negacionismo burro e inconsequente”. Como atleta de ponta e influenciador de grande massa de jovens, deveria dar exemplo. O direito de um negacionista termina qdo começa o doa outros, da coletividade. Negar a Ciência é negar a boa convivência da coletividade. Tem de pagar pela ignorância.

  3. A história um dia vai registrar essa pandemia provocada deliberadamente, o embuste dessas vacinas e quem foram os reais genocidas dessa insanidade mundial.

  4. Lamentável e vergonhoso governo australiano. Insanidade ou politicagem rasteira? Governante da Austrália mancha a boa imagem de um país outrora livre e democrático.

  5. Devíamos ter o aberto de tênis no Brasil e acolher a todos que quiserem jogar! Sai dai Djokvit a Austrália não merece a liberdade e sim o jogo politicamente correto e corrupto!
    Bom mocismo da nova ordem social, eles mandam e você morre.

  6. Inacreditável o comportamento da governo Australiano. Sinceramente nunca esperei viver este momento de insensatez mundial por uma vacina que não impede o contágio, não impede a transmissão, enfim estão provocando um pânico mundial! É necessário, após investigação minuciosa, saber quais são os interesses associados.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.