Viúva de Pinochet morre aos 99 anos no Chile

Lucía Hiriart ficou conhecida como uma mulher de personalidade forte que teria grande influência sobre o governo do marido
-Publicidade-
Lucía Hiriart, viúva do ditador Augusto Pinochet, morreu aos 99 anos
Lucía Hiriart, viúva do ditador Augusto Pinochet, morreu aos 99 anos | Foto: Reprodução

Viúva do ditador chileno Augusto Pinochet (1915-2006), Lucía Hiriart morreu na quinta-feira 16, aos 99 anos. A informação foi divulgada pela família.

“Aos 99 anos e rodeada de parentes e entes queridos, minha querida avó faleceu. Ela deixa uma marca imensa em nossos corações”, escreveu Karina Pinochet, neta de Lucía, no Twitter.

A morte da viúva do ditador acontece às vésperas da eleição presidencial no Chile, marcada por uma forte polarização política. Segundo as últimas pesquisas de intenção de voto, José Antonio Kast (de direita) e o esquerdista Gabriel Boric estão praticamente empatados. Kast defende abertamente o legado de Pinochet, principalmente no campo econômico.

-Publicidade-

Lucía Hiriart ficou conhecida como uma mulher de personalidade forte que teria grande influência sobre Pinochet. Em uma biografia escrita pela jornalista Alejandra Matus, Hiriart é retratada como uma primeira-dama atuante e que costumava criticar o marido.

“Ela deu sua vida ao serviço dos chilenos e a história saberá valorizar seu grande trabalho e seu trabalho pelo nosso amado país. Descanse em paz”, escreveu a neta.

O general Augusto Pinochet liderou o golpe contra o governo do socialista Salvador Allende, em 1973. Durante 17 anos do regime, cerca de 3 mil pessoas foram mortas, e dezenas de milhares, torturadas.

Também foi no período de Pinochet que o Chile construiu as bases do atual sistema econômico do país, com uma posição mais voltada para o livre mercado. Foram anos de crescimento da economia chilena.

Pinochet e Hiriart foram casados entre 1943 e 2006, quando o ditador morreu.

Com informações da Reuters

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.