-Publicidade-

Bolívia flexibilizará quarentena em 11 de maio

O início do estado de emergência de saúde foi decretado em 17 de março, com o fechamento progressivo de fronteiras, transporte terrestre e aéreo e a suspensão do trabalho nos setores público e privado.

Fronteiras e espaço aéreo permanecerão fechados

Foto: PxHere

A Bolívia flexibilizará a quarentena nacional contra o coronavírus a partir de 11 de maio, mas manterá o fechamento de fronteiras e espaço aéreo até o final desse mês, informou a presidente Jeanine Áñez.

“Manteremos a quarentena atual nas condições atuais até 10 de maio. A partir de 11 de maio, iremos para uma nova forma de quarentena, que será chamada de quarentena dinâmica”, disse a presidente em comunicado à imprensa.

O início do estado de emergência de saúde foi decretado em 17 de março, com o fechamento progressivo de fronteiras, transporte terrestre e aéreo e a suspensão do trabalho nos setores público e privado.

Áñez explicou que a nova modalidade significa que a rigidez da emergência sanitária variará em algumas regiões e cidades, de acordo com a evolução da pandemia.

Até o momento o país registrou 1.053 pessoas infectadas pela covid-19 e 55 mortes, de acordo com a agência AFP.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês