-Publicidade-

Coronavírus: se fosse um país, SP teria mais mortes por milhão que o Brasil

Num 'ranking' mundial fictício, os paulistas aparecem na 14ª posição, enquanto o Brasil está na 21ª
Movimentação intensa de pessoas no centro da cidade de Campinas (SP), nesta sexta-feira (10/07/20) | Foto: Wagner Souza/Futura Press/Estadão Conteúdo
Movimentação intensa de pessoas no centro da cidade de Campinas (SP), nesta sexta-feira (10/07/20) | Foto: Wagner Souza/Futura Press/Estadão Conteúdo
Campinas
A nação fictícia teria registrado 1.137 mortes para cada milhão de habitantes enquanto no Brasil o número estaria em 973 | Foto: Wagner Souza/Futura Press/Estadão Conteúdo

Caso o Estado de São Paulo fosse um país independente, o número de mortos com a covid-19 por milhão de habitantes seria maior do que no resto do Brasil. A nação fictícia teria 1.137 mortes para cada milhão. No Brasil, o número cairia dos atuais 1.007 para 973 — a quantidade total de vítimas seria cerca de 163 mil, bem abaixo das 214 mil atuais.

Num ranking com todos os países com mais de 1 milhão de habitantes, São Paulo estaria na 14ª posição. A Suécia, que não impôs restrições severas à população, apareceria no 18º lugar e o Brasil no 21º.

O levantamento, feito por Oeste, levou em consideração os números apresentados pelo governo brasileiro (dados do Brasil), pelo governo paulista (São Paulo) e pela Organização das Nações Unidas para o restante do mundo, registrados até o dia 21 de janeiro de 2021.

Leia também: “Covid-19: distribuição da vacina da Oxford no Brasil pode começar amanhã, afirma Bolsonaro”

Confira o ranking mundial de mortes por covid-19 em países com mais de 1 milhão de habitantes, considerando São Paulo como uma nação independente:

1º — Bélgica
Mortes por milhão de habitantes: 1.775
Total de mortes: 20.572
População: 11.589.616

2º — Eslovênia
Mortes por milhão de habitantes: 1.656
Total de mortes: 3.442
População: 2.078.932

3º — República Tcheca
Mortes por milhão de habitantes: 1.398
Total de mortes: 14.973
População: 10.708.982

4º — Itália
Mortes por milhão de habitantes: 1.384
Total de mortes: 83.681
População: 60.461.828

5º — Bósnia e Herzegovina
Mortes por milhão de habitantes: 1.378
Total de mortes: 4.521
População: 3.280.815

6º — Reino Unido
Mortes por milhão de habitantes: 1.374
Total de mortes: 93.290
População: 67.886.004

7º — Macedônia
Mortes por milhão de habitantes: 1.315
Total de mortes: 2.739
População: 2.083.380

8º — Bulgária
Mortes por milhão de habitantes: 1.245
Total de mortes: 8.651
População: 6.948.445

9º — Hungria
Mortes por milhão de habitantes: 1.212
Total de mortes: 11.713
População: 9.660.350

10º — Estados Unidos
Mortes por milhão de habitantes: 1.204
Total de mortes: 398.435
População: 331.002.647

11º — Peru
Mortes por milhão de habitantes: 1.184
Total de mortes: 39.044
População: 32.971.846

12º — Espanha
Mortes por milhão de habitantes: 1.169
Total de mortes: 54.637
População: 46.754.783

13º — Croácia
Mortes por milhão de habitantes: 1.154
Total de mortes: 4.738
População: 4.105.268

14º — São Paulo
Mortes por milhão de habitantes: 1.137
Total de mortes: 50.938
População: 44.782.419

15º — Panamá
Mortes por milhão de habitantes: 1.127
Total de mortes: 4.864
População: 4.314.768

16º — México
Mortes por milhão de habitantes: 1.108
Total de mortes: 142.832
População: 128.932.753

17º — França
Mortes por milhão de habitantes: 1.092
Total de mortes: 71.261
População: 65.273.512

18º — Suécia
Mortes por milhão de habitantes: 1.069
Total de mortes: 10.797
População: 10.099.270

19º — Armênia
Mortes por milhão de habitantes: 1.019
Total de mortes: 3.021
População: 2.963.234

20º — Argentina
Mortes por milhão de habitantes: 1.019
Total de mortes: 46.066
População: 45.195.777

21º — Brasil (com São Paulo)
Mortes por milhão de habitantes: 1.007
Total de mortes: 214.147
População: 212.602.030

Brasil (sem São Paulo)
Mortes por milhão de habitantes: 973
Total de mortes: 163.209
População: 167.819.611

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês