-Publicidade-

Eleições 2020: entenda por que 270 votos elegem o presidente

Na eleição de 2016, o presidente Donald Trump foi eleito com 304 votos dados pelos estados

Nas eleições de 2016, o presidente Donald Trump foi eleito com 304 votos

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump | Foto: Sheala Craighead/Casa Branca

Nas eleições presidenciais norte-americanas, cada um dos 50 Estados e o Distrito de Colúmbia — equivalente ao nosso Distrito Federal — têm direito a determinado número de votos que será computado para eleger o presidente. Os eleitores, portanto, não votam diretamente nos candidatos, mas sim para qual dos nomes da disputa irão os votos estaduais. A soma dos votos de todos os Estados totaliza 538. A metade deles, então, é 269, e a maioria absoluta é 270 — ou seja: 269 mais 1.

Nas eleições de 2016, o presidente Donald Trump (Partido Republicano) elegeu-se com 304 votos estaduais contra os 227 que foram para Hilary Clinton (Partido Democrata); os votos que sobraram destinaram-se a outros candidatos que não faziam parte das duas principais legendas. Outro detalhe interessante é que os votos dentro de um mesmo Estado podem ir para mais de um candidato. Em 2016, por exemplo, o Maine deu dois votos para Hilary e um para Trump.

Leia também: Eleições EUA: em redes sociais, Trump desperta mais interesse do que Biden

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Envie-nos a sua opinião, sugestão ou crítica! Fale conosco
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês