-Publicidade-

Em Minas Gerais, vacinação será facultativa e gratuita

Lei sobre o tema foi sancionada pelo governador Romeu Zema

Lei sobre o tema foi sancionada pelo governador Romeu Zema

Romeu Zema
Governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo) | Foto: Dirceu Aurélio/Sejusp

Em Minas Gerais, a vacinação contra a covid-19 será facultativa e oferecida gratuitamente pelo governo. A posição consta de uma lei promulgada nesta sexta-feira, 8, pelo governador do Estado, Romeu Zema (Novo).

Terão prioridade idosos, profissionais de saúde, quilombolas, indígenas, acautelados, servidores públicos que, em razão de suas atividades, tenham contato com o público, além de outros grupos de risco.

Leia mais: “Aécio Neves é investigado por lavagem de dinheiro e corrupção”

“O Estado garantirá a toda a população o acesso à vacinação contra o Sars-Cov-2, causador da covid-19”, afirma a lei publicada do Diário Oficial de Minas Gerais.

O imunizante terá de ser registrado na Anvisa. Até a aprovação, no entanto, o Estado não descarta usar vacinas aprovadas por autoridades sanitárias de outros países, conforme permite lei federal do ano passado.

O texto também afirma que serão feitas “campanhas para esclarecer a população sobre os benefícios da vacinação”.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês