-Publicidade-

João Doria é internado para realização de exames

Governador de São Paulo está no Hospital Albert Einstein
João Doria é o governador de SP
João Doria é o governador de SP | Foto: Divulgação/GESP

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), foi internado na manhã desta segunda-feira, 15, no Hospital Albert Einstein, na Zona Sul da capital paulista. De acordo com a equipe de comunicação do tucano e o boletim médico, ele realizará exames de três tipos: laboratoriais, endoscópicos (endoscopia e colonoscopia) e de imagem.

Leia mais: “Derrota para Doria: PSDB renova mandato de seu atual presidente”

Segundo posicionamento oficial divulgado pela equipe de Doria, a realização do conjunto de exames já estava prevista e agendada. Em comunicado divulgado à imprensa, reforça-se que se trata de questões de rotina envolvendo os cuidados do governador com a saúde.

Cinco médicos assinam o primeiro boletim sobre a internação de Doria, informa o portal G1. O documento é chancelado pelo infectologista David Uip (que integrou a equipe montada pelo governo de São Paulo no enfrentamento da covid-19), o coloproctologista Sidney Klajner, o cardiologista Roberto Kalil Filho, o ortopedista Moisés Cohen e o diretor do Hospital Albert Einstein Miguel Cendoroglo.

Por ora, não foi foi divulgada a previsão de alta do governador paulista.

No Twitter

Mesmo com a notícia de sua internação, o governador João Doria não se ausentou do Twitter. Por meio da rede social, ele compartilhou reportagem da Folha de S.Paulo sobre déficit do Ginásio do Ibirapuera para defender a concessão do espaço à iniciativa privada. “Todo o complexo passará por ampla reforma, custeada com recursos privados, mantendo os esportes como atividade principal e trazendo enorme ganho para a cidade de São Paulo”, afirmou o tucano.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

6 comentários

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês