-Publicidade-

Alegando crise do covid-19, Senado vai gastar R$ 68 mil em copos descartáveis

Produto havia disso extinto da lista de compras desde 2015. Segundo justificativa da Casa, aquisição é recomendação de autoridades de saúde
Leopoldo Silva/Agência Senado
Leopoldo Silva/Agência Senado

Copos descartáveis haviam sido extintos da lista de compras desde 2015. Segundo justificativa da Casa, aquisição é recomendação de autoridades de saúde

MP Contrato de Trabalho
Davi Alcolubre determinou volta dos copos descartáveis | Foto: Leopoldo Silva/Agência Senado

Em meio à pandemia do coronavírus, o Senado federal abriu procedimento licitatório para adquirir 25 mil pacotes de copos descartáveis e biodegradáveis ao valor de R$ 68 mil. De acordo com o processo de licitação, a compra dos copos visa complementar medidas de prevenção e contenção da covid-19 na Casa.

Força guerreiros: Durante isolamento, senadores são obrigados a lavar louça e limpar casa

O processo licitatório está marcado para esta sexta-feira, 12 de junho. Assim, a ideia é que o fornecimento dos copos descartáveis ocorra durante um ano. O uso de copos descartáveis no Senado foi proibido em 2015. Entretanto, agora com a pandemia do coronavírus, a Casa alega que houve a necessidade de se efetuar novamente esse tipo de aquisição. O Senado também tinha implementado um movimento para que os servidores pudessem trazer seus próprios copos de vidro de suas residências. A intenção era diminuir o gasto com esse tipo de produto.

Revista Oeste: Cloroquina, a solução que venceu a ideologia

A justificativa

A autorização para a compra de copos descartáveis e biodegradáveis ocorreu por meio de ato do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP). “A autorização para utilização de copo descartável em substituição ao copo de vidro segue a recomendação das autoridades de saúde, tendo em vista que o contágio poderia ocorrer pelo copo de vidro”, descreve a licitação. “É importante salientar que a data de retorno das atividades presenciais do Senado Federal é fator imprevisível, o que pode resultar em possível ruptura de estoque [de copos descartáveis] diante do consumo oriundo do aumento gradual de servidores e colaboradores nas dependências da Casa, caso não se adquira novo estoque do objeto”, justifica o Senado no certame público.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês