-Publicidade-

Brasil avança nas exportações e balança tem superávit recorde

É o maior resultado para o mês de setembro na série iniciada em 1989
Foto: Divulgação/Agência Brasil
Foto: Divulgação/Agência Brasil | Foto: Divulgação/Agência Brasil

É o maior resultado para o mês de setembro na série iniciada em 1989

brasil
Apesar da pandemia de coronavírus, o país segue crescendo | Foto: Divulgação/Agência Brasil

A balança comercial brasileira registrou um superávit recorde em setembro, informou o Ministério da Economia, na quinta-feira 1°. As exportações superaram as importações em US$ 6,164 bilhões, o maior resultado para o mês na série iniciada em 1989. O número representa alta de 62,2% do registrado em 2019, quando setembro fechou com saldo positivo de US$ 3,8 bilhões. No ano, o superávit já soma US$ 42,445 bilhões, totalizando US$ 156,7 bilhões em vendas e US$ 114,3 bilhões em compras internacionais, avanço de 18,6% em comparação ao ano passado.

Leia também: “CNC aponta que endividamento está em queda no Brasil”

Além disso, o Brasil deve registrar um saldo positivo de US$ 55,0 bilhões na balança comercial em 2020, conforme levantamento feito pela Secretaria de Comércio Exterior do Ministério da Economia. O valor é levemente abaixo da projeção divulgada em julho, que era positiva em US$ 55,4 bilhões, mas ainda melhor que o estimado no início do ano (US$ 48,1 bilhões). As exportações em 2020 devem somar US$ 210,7 bilhões, enquanto as importações, US$ 155,7 bilhões. Antes, essas projeções eram de US$ 202,5 bilhões e de US$ 147,1 bilhões, respectivamente.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês