-Publicidade-

Brasil: Venda de soja iguala a de 2019

Além disso, parte da safra de 2021 já está comercializada mesmo antes de ser plantada
Partido Comunista da China adquiriu toneladas da soja brasileira | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL
Partido Comunista da China adquiriu toneladas da soja brasileira | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL | Partido Comunista da China adquiriu toneladas da soja brasileira | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL

Além disso, parte da safra de 2021 já está comercializada mesmo antes de ser plantada

china
70 mil toneladas de soja já foram exportadas | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL

Apesar de o Brasil ter sido acometido pelo vírus chinês, o agronegócio conta com boas notícias. Nesta terça-feira, 4, divulgou-se a informação de que a venda de soja está prestes a igualar os números registrados no decorrer de todo o ano de 2019. Foram até agora mais de 70 mil toneladas exportadas.

Leia mais: “Agronegócio brasileiro precisa ‘reforçar comunicação’, diz executivo”

Além de se aproximar de igualar o consolidado do ano passado antes mesmo do início do último quadrimestre de 2020, a produção de grãos tem o que comemorar em 2021. Isso porque há venda de soja garantida para o próximo período. De acordo com o programa CBN Brasil, da rádio CBN, 50% da safra do ano que vem já está comercializada — antes mesmo de ir ao plantio.

Exportação de soja

A informação sobre a comercialização de grãos vai ao encontro dos dados divulgados ontem pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério da Economia. De acordo com o órgão, somente a exportação de soja cresceu 39%, pois fechou o mês passado com 10,37 milhões de toneladas indo para fora  do país. No mesmo período de 2019, a quantidade de toneladas ficou em 7,44 milhões.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês