-Publicidade-

Coronavírus: prefeito e fotógrafo furam a fila da vacinação em duas cidades do Nordeste

Prioridade na aplicação da vacina é para os profissionais de saúde que estão na chamada linha de frente do combate à covid-19
O prefeito de Itabi (SE), Júnior de Amynthas (DEM) | Divulgação/Redes Sociais
O prefeito de Itabi (SE), Júnior de Amynthas (DEM) | Divulgação/Redes Sociais
O prefeito de Itabi (SE), Júnior de Amynthas (DEM) | Divulgação/Redes Sociais

Tanto em Itabi (SE) quanto em Jupi (PE) a fila de vacinação contra o novo coronavírus não começou com nenhum profissional de saúde que atua na linha de frente de combate à covid-19 — o grupo prioritário na fase inicial da imunização. No município sergipano, o prefeito Júnior de Amynthas (DEM) foi o primeiro a tomar a vacina contra a doença. Na cidade pernambucana, o escolhido para receber a dose inaugural do imunizante foi o fotógrafo conhecido como Guilherme JG, que presta serviços para o governo municipal.

Em nota, a prefeitura de Itabi alega que é facultado ao município “a possibilidade de adequar a priorização conforme a realidade local”. O texto ainda registra que, ao se imunizar primeiro, Amynthas teria feito “um ato de demonstração de segurança, legitimidade e eficácia da vacina para incentivar a população itabiense a se vacinar”.

Em Jupi, o prefeito Marcos Patriota (DEM) determinou que o caso fosse apurado e afastou do cargo a secretária de Saúde, Maria Nadir Ferro. Ela aparece em um vídeo segurando a mão de JG no momento em que ele recebeu o imunizante. Segundo o jornal Folha de S.Paulo, o Ministério Público de Pernambuco quer saber o que aconteceu. Adna Vasconcelos, promotora de Justiça, encaminhou um ofício à prefeitura cobrando esclarecimentos sobre o ocorrido e informando que também notificará o fotógrafo. “Ele vai ser notificado também para prestar esclarecimentos”, avisou a promotora. “Vamos ouvir também quem autorizou a vacinação e quem aplicou a vacina.”

Leia também: “Como ficará a distribuição da primeira leva da CoronaVac?”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

3 comentários

  1. Os dois espertinhos, de Itabi/SE e Jupi/PE, só podiam ser desse famigerado partido DEMônio do “Pandemaia” e do Alcoolumbre. Infelizmente, o Brasil está repleto de espertinhos desse tipo. Sabem que nenhuma punição lhes será imputada.

  2. Sabedores da impunidade, aproveitam para furar a fila em desrespeito à vida. Fácil de resolver: todos, quem facilitou e quem recebeu, aguardarão a segunda dose na cadeia. Simples e eficaz!
    P.S. Evitar o pessoal do STF de tomar conhecimento da ação.

  3. Recebi informação de gente local, que no município baiano de Uauá, conhecido como “Capital do Bode”, no norte do Estado, todos os políticos da cidade foram os primeiros a serem vacinados. A ser conferido.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês