-Publicidade-

Mandetta adota tom ‘apaziguador’ em encontro com Bolsonaro

Ministro se reuniu pela primeira vez com o presidente depois da quase demissão

Ministro se reuniu pela primeira vez com o presidente após crise entre os dois

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, adotou um tom mais apaziguador ao encontrar com o presidente Jair Bolsonaro nesta quarta-feira, 8. Essa foi a primeira reunião dos dois após o chamado “Dia do Fico” do ministro da Saúde.

Durante o encontro, que aconteceu no Palácio do Planalto, Mandetta aproveitou para apresentar as medidas que vêm adotando para conter a crise do novo coronavírus no Brasil. Ontem, o ministro já tinha sinalizado ao chefe do Poder Executivo que não iria mais adotar o embate direto.

Apesar dos movimentos de alinhamento e da pressão interna e externa, auxiliares mantêm o discurso de que a demissão não está descartada e que Bolsonaro continua insatisfeito com Mandetta.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

  1. Questão de tempo. Lealdade é vital e ali já quebrou. Bolsonaro vai entregar o que ele prometeu na campanha eleitoral. O comportamento ‘establishment’ vai ser extinto, pelo menos onde ele tem autoridade sobre.
    Uma pena, Mandetta poderia ter feito história.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês