-Publicidade-

Maradona morre aos 60 anos; relembre momentos dele

Ídolo argentino, ex-jogador sofreu parada cardiorrespiratória
Diego Armando Maradona fez história com a camisa da seleção da Argentina | Foto: Reprodução/Instagram
Diego Armando Maradona fez história com a camisa da seleção da Argentina | Foto: Reprodução/Instagram | maradona - argentina - morte aos 60 anos

Ídolo argentino, ex-jogador sofreu parada cardiorrespiratória

maradona - argentina - morte aos 60 anos
Diego Armando Maradona fez história com a camisa da seleção da Argentina
Foto: Reprodução/Instagram

O mundo do futebol se despede de Diego Armando Maradona. Considerado o maior jogador da história da Argentina, ele morreu no início da tarde desta quarta-feira, 25. Aos 60 anos, o ex-astro do esporte não resistiu a uma parada cardiorrespiratória em sua casa, na cidade de Tigre, na região próxima à capital Buenos Aires.

Augusto Nunes: “Ver o rei Pelé em campo é ser feliz”

Com história construída sobretudo com as camisas de Boca Juniors, Napoli e da seleção da Argentina, pela qual foi protagonista na conquista da Copa do Mundo de 1986, Maradona encerrou a carreira profissional de atleta em 1997. O talento dele com os pés, contudo, é até hoje lembrado, como mostram alguns vídeos disponibilizados na internet.

Veja, abaixo, alguns momentos de Maradona no futebol

Anos após o Reino Unido vencer a Argentina na disputa pelas Ilhas Malvinas, Maradona fez com que os argentinos sentissem o gosto de superar os britânicos. Em confronto com a Inglaterra na Copa de 1986, ele fez um gol com a mão (“a mão de Deus”, conforme definiu) e driblou meio time no lance que originou outro gol.

Maradona também fez sucesso pelo Napoli, time do sul da Itália. Por lá, foi a estrela das maiores conquistas da história do clube. Com o argentino em campo, o Napoli faturou dois campeonatos italianos e uma Copa da Uefa (torneio interclubes da Europa). Troféus de 1986 a 1990 — e que o clube nunca mais venceu.

Depois de iniciar sua trajetória no futebol pelo Argentinos Juniors e ter breve passagem pelo Boca Juniors antes de ir para o Napoli, Maradona resolveu pendurar as chuteiras em gramados argentinos. Depois de um ano no Newell’s Old Boys, jogou por duas temporadas por seu time do coração, o já mencionado Boca Juniors.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês