-Publicidade-

Vírus chinês volta a provocar lockdown em Cuba

Apesar do governo vender 'case' de sucesso, número de infectados voltou a crescer e, por isso, foi decretado, novamente, lockdown em Cuba
A sede do Partido Comunista de Cuba, em Havana | Foto: Marco Zanferrari/Wikimedia
A sede do Partido Comunista de Cuba, em Havana | Foto: Marco Zanferrari/Wikimedia | Granma - apagou - carta - coronavírus

Número de casos voltou a crescer e, por isso, foi decretado lockdown em Cuba mais uma vez

lockdown em Cuba
A sede do Partido Comunista de Cuba, em Havana | Foto: Marco Zanferrari/Wikimedia

O vírus chinês obrigou o governo cubano a colocar Havana novamente em um rígido lockdown nesse sábado, 8. A medida foi adotada após o ressurgimento de casos do novo coronavírus. Assim, restaurantes, bares e piscinas fecharam mais uma vez. O transporte público foi suspenso e acesso às praias, proibido.

Caso de sucesso: Sem isolamento forçado, Suécia tem menos mortes que o previsto

Em julho, Cuba havia aliviado as restrições, após pontual redução do número de casos da Covid-19. O governo cubano tentava mostrar uma suposta história de sucesso na América Latina pela maneira como lidou com a pandemia. Mas, a realidade é totalmente distinta.

Revista Oeste: Cloroquina – a solução que venceu a ideologia

Os casos de coronavírus voltaram a crescer aos níveis de abril, ao longo das últimas duas semanas. O Ministério da Saúde local relatou 59 casos no sábado e disse que a situação pode se tornar “incontrolável” se as autoridades não agirem rapidamente.

As autoridades, entretanto, repreenderam os cubanos por terem baixado a guarda depois que o lockdown foi aliviado, sem manter distância física ou usar máscaras adequadamente, obrigatórias em espaços públicos, e por se reunirem em grandes grupos.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

  1. Assim também argentina em lockdow rigoroso vê aumentar os casos de contaminação. Não impede mesmo o processo. . Temos muito quenaprebder com a natureza

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês