Quando a turma indicada por petistas deixará o STF? - Revista Oeste

Edição da semana

Em 28 set 2020, 18:30

Quando a turma indicada pelo PT deixará o STF?

28 set 2020, 18:30

Além de ministros escolhidos pelos petistas Lula e Dilma, Supremo conta com nomeações de Sarney, Collor, FHC e Temer

stf - sete ministros indicados por petistas

Atualmente, STF conta com sete indicados por petistas | Foto: Agência Brasil

Diferentemente da Suprema Corte dos Estados Unidos, que está a um passo do conservadorismo diante da possibilidade de uma juíza católica e antiaborto ocupar a vaga que até então era de uma progressista, o Brasil segue com a sua mais alta instância do Poder Judiciário composta em sua maioria por indicação de petistas. Dos atuais 11 ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), sete foram nomeados por Luiz Inácio Lula da Silva ou Dilma Rousseff.

Leia mais: “Damares ‘não aceitaria o convite’ para ser ministra do STF”

Caso nenhuma das indicações do PT decida antecipar a aposentadoria e, assim, seguir no tribunal até completar 75 anos de idade, os juízes escolhidos por Dilma e Lula permanecerão por anos (ou até décadas) ocupando cadeiras no STF. Será o caso, por exemplo, de Dias Toffoli. Ex-advogado do Partido dos Trabalhadores e reprovado em dois concursos públicos, ele chegou ao Supremo em outubro de 2009 e pode permanecer por lá até meados de novembro de 2042.

Advogado de Cesare Battisti no caso analisado pelo STF em 2010, e que garantiu ao terrorista italiano viver por anos no Brasil como homem livre e inocente, Luís Roberto Barroso voltou à Praça dos Três Poderes pouco tempo depois — e com status de ministro. Com cadeira no tribunal desde junho de 2013, ele poderá permanecer no posto até março de 2033. Tempo mais do que suficiente para realizar debates com youtubers condenados por fake news e acusar um presidente eleito democraticamente de ser defensor da ditadura e da tortura.

Toffoli e Barroso não são, no entanto, os únicos indicados pelos ex-presidentes petistas que poderão estender sua permanência no STF. Nesse sentido, Oeste lista quando cada ministro indicado por Lula e Dilma deverá deixar a Corte — caso todos decidam permanecer por lá até completar 75 anos de idade.

barroso - indicados por petistas ao STF

Barroso no STF, mas como advogado. Ele defendeu o assassino Cesare Battisti
Foto: Arquivo/Agência Brasil

Indicados por Lula

Ricardo Lewandowski

  • Entrada: março de 2006
  • Saída: maio de 2023

Cármen Lúcia

  • Entrada: junho de 2006
  • Saída: abril de 2029

Dias Toffoli

  • Entrada: outubro de 2009
  • Saída: novembro de 2042
dias toffoli - ex-advogado do pt - stf

Toffoli não passou em concursos públicos para atuar na magistratura paulista, mas foi indicado por Lula para o STF | Foto: Agência Brasil

Indicados por Dilma

Rosa Weber

  • Entrada: dezembro de 2011
  • Saída: outubro de 2023

Luiz Fux

  • Entrada: março de 2011
  • Saída: abril de 2028

Edson Fachin

  • Entrada: junho de 2015
  • Saída: fevereiro de 2033

Luís Roberto Barroso

  • Entrada: junho de 2013
  • Saída: março de 2033
edson fachin - stf

Se não antecipar aposentadoria, Edson Fachin ficará no STF até fevereiro de 2033
Foto: Agência Brasil

Mais tempo com Gilmar e Moraes

Além dos sete ministros indicados pelos dois petistas, o STF ainda conta com um escolhido pelo ex-presidente José Sarney: Celso de Mello. Ele, que assumiu o cargo em 1989, deixaria a Corte de modo compulsório no início de novembro deste ano mas resolveu antecipar a aposentadoria em duas semanas.

Indicado pelo primo Fernando Collor de Mello em junho de 1990, Marco Aurélio só poderá permanecer no Supremo até junho de 2021. Dessa forma, o presidente da República, Jair Bolsonaro, será responsável por duas indicações ao STF no decorrer de seu atual mandato.

Mesmo que seja reeleito, Bolsonaro possivelmente não poderá nomear ministros para os lugares de Gilmar Mendes e Alexandre de Moraes. O primeiro chegou ao STF em junho de 2002 graças ao tucano Fernando Henrique Cardoso e só completará 75 anos em dezembro de 2030. Por fim, Moraes é ministro do Supremo desde março de 2017, quando foi o escolhido de Michel Temer. Atualmente com 51 anos, ele terá a aposentadoria compulsória em dezembro de 2043.

alexandre de moraes - stf

Alexandre de Moraes chegou ao Supremo em 2017, mas poderá ficar até o fim de 2043
Foto: Agência Brasil

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

21 Comentários

  1. O STF praticamente tornou uma banca de advocacia, se levar em contas que atualmente temos 8 ministros oriundos da advocacia. Apenas dois são juizes concursados.

    Responder
  2. Dias Toffoli – Saída: novembro de “2042”
    MEU DEUS!
    Ao menos não são vitalícios como e nos Estados Unidos, lá e pior!

    Responder
  3. Barroso foi advogado do assassino Cesare Battisti.
    Agora tá explicado porque,foi indicado pela Dilma, defendeu o amigo terrorista!

    Responder
    • Mas, que tal comparar Barroso com Augusto Aras?

      Responder
  4. Uma vergonha o STF brasileiro! Por muitas vezes legislam, não seguem a constituição, Dão entrevistas, fazem lives, militam politicamente. Alguns soltam bandidos irresponsavelmente ou só porque lhes convém! Abrem inquéritos inconstitucionais que violam a liberdade de expressão que está na constituição! Uma vergonha ver o pais nas mãos de pessoas que se julgam deuses, e pouco se importa valores republicanos. São vermelhos! Juiz que tem lado não cumpre seu juramento! Infelizmente teremos que aguentar isso até os 75 anos desta composição. A pior composição, com certeza!

    Responder
  5. O recurso é esperar por uma força Divina ou, quem sabe, do malígno para nos livrarmos de uma meia dúzia daqueles trastes!

    Responder
    • amém amém amém!

      Responder
  6. Não há como sacá-los do comando do Brasil? nem com prisão?
    Estamos lascados!

    Responder
  7. Quem ainda não assistiu, é muito informativo o documentário Os Donos da Verdade produzido pea Brasil Paralelo mostrando a trajetória dos 11 ministros.

    https://www.youtube.com/watch?v=8kn4mFP3uUY

    Responder
  8. Pobre Brasil, pobres de nós brasileiros, termos de aturar um bando de juízes tão injustos e inconsequentes.

    Responder
  9. Infelizmente pagaremos um alto preço com esses ministros que não ouvem as necessidades do nosso POVO

    Responder
  10. Quando o povo souber do poder que tem quando se une, essa coisas do STF irão se borrar de medo.

    Responder
  11. E hoje vejo no vermelhinho OESP que para ser indicado tem que ter notável saber jurídico e reputação ilibada!!!
    nunca vi esse órgão (falido) questionar as indicações dos 11 paus mandados que estão lá pelo pt e quetais.

    Responder
  12. PQP ! Essa permanência quase que eterna desses togados trazem prejuízos enormes ao país. A começar pelas sentenças que deixam claramente um viés político que, como se não bastassem, estão deixando a lide para ir aos meios de comunicação numa militância política escancarada afim de satisfazer seus apadrinhados políticos. ISSO TEM QUE ACABAR !

    Responder
  13. Meu Deus do céu! Essa permanência quase que eterna desses togados trazem prejuízos enormes ao país. A começar pelas sentenças que deixam claramente um viés político que, como se não bastassem, estão deixando a lide para ir aos meios de comunicação numa militância política escancarada afim de satisfazer seus apadrinhados políticos. ISSO TEM QUE ACABAR !

    Responder
  14. Meu Deus do céu! Essa permanência quase que eterna desses togados trazem prejuízos enormes ao país. A começar pelas sentenças que deixam claramente um viés político que, como se não bastassem, estão largando a lide para ir aos meios de comunicação numa militância política escancarada afim de satisfazer seus apadrinhados políticos. ISSO TEM QUE ACABAR !

    Responder
  15. Pois é, essa poderosa equipe nomeada pelo PT, Sarney e FHC declaram INCONSTITUCIONAL a lei que não lhes agrade, como recentemente fizeram com a Lei do voto impresso de Bolsonaro, alegando que violaria o SIGILO do voto. Como assim, se o voto é blindado e automaticamente depositado em urna lacrada? Em que momento o sigilo seria violado? Será que pensaram que o voto impresso seria levado para casa pelo eleitor para comprovar ao candidato que votou nele?
    O voto impresso acoplado a urna eletrônica se presta para o eleitor constatar que o voto que confirmou na urna eletrônica é o mesmo que vai para a urna do voto impresso, e também para necessária e única forma de AUDITAR por amostragem, urnas sorteadas por auditoria independente, e se necessário contagem geral por solicitação de qualquer concorrente.
    Que estranho SUPERPODER é esse que pode cancelar uma LEI numa canetada tão grosseira?

    Responder
  16. Não entendo por que o Congresso não revoga a PEC DA BENGALA, ao menos para tirar esses “deuses do Supremo”, 5 anos antes aos 70 anos de idade. Atualmente temos Celso de Mello, Marco Aurelio de Mello, Lewandowsky e Rosa Weber com mais de 70 anos.

    Responder
  17. Precisamos ser honestos. A Dilma foi uma das piores presidentes da história deste país, sem dúvidas. Porém, ela indicou Luiz Fux, Edson Fachin e Luíz Roberto Barroso, que são disparados os melhores que tem alí. A Rosa Weber é ruim? Sim. Mas, não é a pior. Então, nesse quesito, ela dá um pau no Bolsonaro. Ou então a melhor indicação é Augusto Aras? ou então Kassio Marques? Então, quem dera que a Dilma ocupasse a cadeira do palácio só por um dia, para fazer esta próxima indicação, e depois saísse.

    Responder
    • Fachin melhor aonde? O cara que não deixou que predessem Dilma por corrupção? O brizola 2.0 que não deixa a policia subir os morros lotados de traficantes? Praticamente transformando o Rio em um narco estado com mercenários de fora dando treinamento de guerrilha pra traficantes? Tem é que limpar a casa toda. E parar de indicar mherda!

      Marcelo Bretas, Ludimila Lins Grillo ou Ives Gandra Filho pro STF pra ontem!

      Que sahcco!

      Ps : Será bem vindo um cocão na cabeça do Bolsonaro pra parar de fazer khagada no jurídico!

      Responder
  18. Esse indicado pro stf(kassio sei lá o quê) tem ligações expúrias com wellington dias, o governador invasor de casas do Piaui.

    Alguém faz favor de dar um cocão na cabeça do Bolsonaro pra ele ficar esperto e parar de ser besta e fazer mherda!

    Quem muito abaixa a cabeça, mostra a bhunda!

    Quanto ao jurídico, só faz m****, por isso o stf deita, rola, ri, põe o pé na cara e deixa marca, chuta, cospe em cima, transa e no final limpa o bililiu na cortina! Palhaço!

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

Vacinação sem vacina

Falar em obrigar a população inteira a se vacinar — com uma vacina que não existe — significa o quê? Um negócio da China?

Supremas diferenças

Ao compararmos o STF à Suprema Corte dos Estados Unidos, o choque é violento

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma nova doença: o vício em desculpas

Poucas figuras públicas têm a força de caráter para se recusar a pedir desculpas aos identitaristas, que gostam de desempenhar o papel de vítimas permanentes

Você não pode perder

Ciência, que é bom, nada

Ciência, que é bom, nada

"Desde o começo da epidemia a discussão vem sendo assim: política em primeiro lugar", afirma J.R. Guzzo...

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês