Polícia de Hong Kong persegue manifestantes no Dia das Mães - Revista Oeste

Edição da semana

Em 10 maio 2020, 15:16

Polícia de Hong Kong persegue manifestantes no Dia das Mães

10 maio 2020, 15:16

Pessoas pediam independência da ilha e a saída da líder Carrie Lam, apoiada por Pequim

Foto: Reprodução/Rede Social

No Dia das Mães, a polícia de choque de Hong Kong, território semiautônomo da China, perseguiu manifestantes pró-democracia por shoppings neste domingo, 10, quando eles faziam atos pedindo a independência da ilha e a saída da impopular líder, Carrie Lam.

No ano passado, a cidade enfrentou, por sete meses seguidos, protestos pró-democracia, muitas vezes violentos, com milhões de pessoas indo às ruas. Prisões em massa e a pandemia de coronavírus deram início a um período de calma forçada, como registra a agência France-Presse.

Nos últimos dias, pequenos protestos “instantâneos” têm sido registrados. As manifestações aconteceram em pelo menos oito shoppings durante a tarde deste domingo, levando a polícia de choque a entrar e dispersar multidões de ativistas e compradores.

As transmissões ao vivo em redes sociais também mostraram que a polícia está emitindo multas para aqueles que supostamente violam as medidas para conter a propagação do vírus chinês, que proíbem reuniões públicas com mais de oito pessoas. Segundo a AFP, pelo menos três prisões foram feitas.

Pessoas nas redes sociais compartilharam vídeos sobre a atuação policial.

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

Supremas safadezas

Como os ministros do Pretório Excelso, o promotor da minha infância se julgava onipresente, onisciente e onipotente

A Suprema Corte e o abuso do poder

Quando juízes se tornam “superlegisladores”, as instituições se fragilizam e a sociedade perde a fé no sistema democrático

David Hume cancelado

Está em curso uma espécie de eugenia intelectual que conta com a simpatia ou covardia de reitores e professores de prestigiadas universidades internacionais

Vacina contra ditadura

Na ONU, Trump fez o que todo mundo com juízo deveria ter feito — e não fez, sabe-se lá por que mistério das escrituras empáticas

Alerta: pesquisas à vista!

Por que as sondagens eleitorais erram tanto, como isso distorce o processo democrático e o que se pode fazer

E chegamos à era dos ciborgues

Teremos nosso potencial mental multiplicado e nossas ações serão, literalmente, rápidas como o pensamento. O que faremos com esse novo poder?

Os intelectuais e a sociedade

Intelectuais ignoram que há mais sabedoria na população em geral do que num indivíduo qualquer, por mais inteligente que ele seja

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma guerra civil nos EUA?

A mídia recusa-se a noticiar o que é evidente aos olhos de seus espectadores, e intelectuais argumentam que “saques e protestos violentos são vivenciados como eventos alegres e libertadores”

Você não pode perder

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Revista Oeste — Edição 27 — 25/09/2020

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês