Agro é vida, tóxica é a mente de Guilherme Boulos, afirma Xico Graziano

"Agricultura produz alimento. O que mata é passar fome", disse Xico Graziano
-Publicidade-
Guilherme Boulos é o candidato do Psol à prefeitura de São Paulo | Foto: Reprodução/Instagram
Guilherme Boulos é o candidato do Psol à prefeitura de São Paulo | Foto: Reprodução/Instagram | boulos - covi-19 - psol - são paulo

“Agricultura produz alimento. O que mata é passar fome”, disse o agrônomo e ambientalista

boulos - covi-19 - psol - são paulo
Guilherme Boulos (Psol) | Foto: Reprodução/Instagram

Num vídeo divulgado em suas redes sociais, o agrônomo e ambientalista Xico Graziano comentou uma fala de Guilherme Boulos, em que o candidato derrotado do Psol à prefeitura de São Paulo disse o que pensava do agronegócio brasileiro. “Ao contrário do que se diz aqui na Globo, o agro não é pop”, afirmou o líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto, durante um debate eleitoral gravado em 2018. “O agro é tóxico, o agro mata”.

-Publicidade-

Na resposta a Boulos, Graziano rebateu: “Tóxica é a sua mente, uma mente insana, deformada por essas ideologias ultrapassadas”, afirmou. “A agricultura produz alimento. O que mata é passar fome.”

Leia também: “A formação que deforma”, matéria de capa da edição 37 da revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

7 comentários

    1. Esse asno filho, se referiu ao agro tóxico, porque ele só conhece a maconha. O pai político dele é chegado na caninha, mas ele é chegado mesmo é na verdinha.

      1. Boulos há muito tempo tem idéias totalmente disfuncionais e relação a economia,ao agro,aos costumes, educação e economia de nosso País.Seu pensamento é grotesco em relação a tudo o que ocorre no Brasil.Quer mesmo é tudo pelo social, principalmente as propriedades públicas e privadas.

  1. A verdade é que nós, brasileiros, fomos incentivados à respondermos por commodities e a Cultura no cenário mundial; assim funciona nossa Instrução e Educação proporcionada pelo MEC
    Conseguiram, os estrangeiros, colocar essa ideia e meta em nosso pessoal mais limitado, i.e., os que procuram à política, as artes e os cursos universitários mais singelos.
    A partir daí, Anita, Fernanda Montenegro, Chico, Caetano, Bonner, Xuxa, … entendem mais do que os engenheiros agrônomos, médicos, empresários e empreendedores na produção de bens concretos e úteis à sociedade.
    Somos o país mais rico em recursos naturais, um dos mais extensos territorialmente e com quantidade de habitantes ideal para o exercício de todas atividades a nós necessárias, e por que somos tão subdesenvolvidos?
    A resposta é simples: PT, PSOL, Rede, PCdoB, PSDB, PSD, …, Globo, Estadão, Folha, …, Academias, sindicatos, MEC, …, tudo que compõem a esquerda caviar do baixo Leblon, praia de Ipanema, UFRJ, USP, …
    Com tudo que possuímos, estamos sendo controlados a nos limitar ser coadjuvantes!
    Boulos é mais um alienado, que de tão desajustado foi facilmente cooptado pela marginalidade, se tornando mais um dela, para fazer esse papel ridículo e tentar nos manter na base da tecnologia e reféns dos interesses estrangeiros!
    Esquerda e miséria Nacional, tudo a ver!

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site