Alvo de manifestações, Moraes defende ‘respeito à democracia’

Nas últimas horas, ministro do STF determinou uma série de medidas judiciais contra apoiadores de Jair Bolsonaro
-Publicidade-
O ministro Alexandre de Moraes, do STF, usou as redes sociais neste 7 de Setembro
O ministro Alexandre de Moraes, do STF, usou as redes sociais neste 7 de Setembro | Foto: Nelson Jr./SCO/STF

Um dos principais alvos das manifestações favoráveis ao presidente Jair Bolsonaro programadas para todo o país nesta terça-feira, 7, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), se pronunciou por meio das redes sociais.

No Twitter, o magistrado — que determinou uma série de medidas judiciais nas últimas horas contra apoiadores de Bolsonaro — publicou uma curta mensagem em defesa das instituições democráticas.

Leia mais: “Bolsonaro: ‘Não podemos admitir que uma pessoa coloque em risco a nossa liberdade’”

-Publicidade-

“Neste Sete de Setembro, comemoramos nossa Independência, que garantiu nossa Liberdade e que somente se fortalece com absoluto respeito à Democracia”, escreveu Moraes.

Leia também: “Fux, Pacheco e Lira não comparecem à cerimônia do 7 de Setembro”

Ontem, como noticiamos, Moraes expediu mandados de busca e apreensão contra a sede da Associação Brasileira de Produtores de Soja e Milho (Aprosoja Brasil) e sua filial no Estado de Mato Grosso. O ministro do STF também autorizou a prisão do ex-policial militar Cássio Rodrigues Costa Souza e de Márcio Giovani Nique, conhecido nas redes sociais como Professor Marcinho.

Leia mais: “A mando de Moraes, PF faz buscas em associação dos produtores de soja”

Moraes ainda bloqueou a conta no Twitter e o canal no YouTube do jornalista Oswaldo Eustáquio, outro apoiador de Bolsonaro.

Leia também: “Moraes presta queixa depois de ser xingado por frequentadores de clube”

Telegram
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro