Apesar de recomendações, ainda é possível ver gabinetes movimentados na Câmara

Alguns gabinetes na Câmara insistem em não seguir as recomendações médicas. Quem passa pelos corredores do anexo IV da Casa se assusta ao ver a quantidade de assessores que permanecem…
-Publicidade-

Alguns gabinetes na Câmara insistem em não seguir as recomendações médicas. Quem passa pelos corredores do anexo IV da Casa se assusta ao ver a quantidade de assessores que permanecem nos pequenos gabinetes, que têm entre 43 e 47,5 m². Inclusive no 533, do deputado Cezinha de Madureira (PSD-SP), diagnosticado com o covid-19.

O parlamentar e um assessor foram diagnosticados com coronavírus. “Mas não liberou pessoal do gabinete dele. Uma coisa de revoltar”, relata um assessor, sob condição de anonimidade. Na última semana, por sinal, o parlamentar foi visto no plenário 11, durante votação do novo coordenador da bancada paulista.

A orientação da Câmara é que nesta semana trabalhem apenas dois funcionários por gabinete. Na próxima, um colaborador. Funcionários com mais de 65 anos estão dispensados de trabalhar. Na próxima semana, pessoas com mais de 60 anos também estarão dispensados de ir à Casa.

-Publicidade-
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.