Depois de ser demitido, Alexandre Garcia comemora crescimento do seu canal no YouTube

Saída da CNN Brasil ocorreu depois do jornalista defender o tratamento precoce contra a covid-19
-Publicidade-
Jornalista Alexandre Garcia | Foto: Reprodução/YouTube
Jornalista Alexandre Garcia | Foto: Reprodução/YouTube

Um dia depois de ser demitido da CNN Brasil, o jornalista Alexandre Garcia comemorou o crescimento do seu canal no YouTube, que chegou à marca de dois milhões de inscritos neste sábado, 25.

Garcia não falou diretamente sobre sua saída da emissora, mas escreveu: “Você que me acompanhava todos os dias só no ‘Liberdade de Opinião’ da CNN, agora pode continuar me seguindo diariamente no meu canal”.

Leia mais: “TV Cultura deixa de exibir o programa Manhattan Connection

-Publicidade-

Na sexta-feira 24, a CNN Brasil demitiu o jornalista. “A decisão foi tomada depois do comentarista reiterar a defesa do tratamento precoce contra a covid-19 com o uso de medicamentos sem eficácia comprovada”, afirmou a emissora.

Em sua participação, Garcia comentava as denúncias contra a operadora de saúde Prevent Senior quando afirmou que os “remédios sem eficácia comprovada salvaram milhares de vidas”.

Em seguida, foi rebatido pela apresentadora Elisa Veeck: “A CNN ressalta que não existe um tratamento precoce comprovado cientificamente para prevenir a covid-19. O que a ciência mostra é que a prevenção, com o uso de máscaras e a vacinação são as únicas maneiras de combater a pandemia”.

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.