Atual chefe de gabinete de Randolfe Rodrigues fez doações para a campanha do senador

Depois de eleito, o senador pelo Amapá contratou serviços de fornecedores de campanha, informa jornal
-Publicidade-
Levantamento usa como base dados do Tribunal Superior Eleitoral
Levantamento usa como base dados do Tribunal Superior Eleitoral | Foto: José Cruz/Agência Brasil

A campanha do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) recebeu R$ 9 mil da família de seu atual chefe de gabinete, o economista Charles Chelala. Do total, R$ 2 mil foram direcionados para o custeio de serviços com motoristas, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Além disso, quatro fornecedores da candidatura de Randolfe em 2018 também foram contratados para prestar serviços, com dinheiro público, ao parlamentar depois de eleito.

Segundo as informações do TSE, a mesma empresa que realizou pesquisas eleitorais na campanha de 2018, por R$ 26.208,00, recebeu R$ 29.222,00 em 2019. Trata-se da Eco Serviços, que consta na prestação de contas do parlamentar como “consultoria na área de pesquisa socioeconômica”. A mais recente pesquisa feita pela companhia, em julho deste ano, custou R$ 15 mil. É o que informou o portal R7, na segunda-feira 23, que aponta outros atores.

A maior fornecedora da campanha de Randolfe, a Set Filmes, recebeu R$ 561.151,59 para fazer os programas de televisão do candidato em 2018. Em julho deste ano, a produtora recebeu R$ 16.300,00 para produzir a campanha “Onde tem Trabalho, tem Randolph”. Outros fornecedores de campanha, como a gráfica RMR de Almeida e a Aerotop, que fretou avião para o candidato na campanha, também prestaram serviços ao gabinete do político após a eleição.

-Publicidade-

Na prestação de contas do Senado, consta que foi feito fretamento aéreo usando a aeronave Sêneca III prefixo PT-RYT no dia 8 de maio, um sábado. O valor pago foi de R$ 8.900,00.

Leia também: “A CPI virou um monstro”, artigo publicado na Edição 72 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

20 comentários

  1. Olha a “honestidade e lisura” do saltitante aparecendo. Acordem amapaenses, esse “boneco de bolo de noiva” não vale nada!

  2. Rachadona! Não sei se é verdade, mas circula por aí um vídeo dele fazendo propaganda e exigindo liberação rápida da Covaxin. Isto antes do laboratório encerrar a fase 3 da pesquisa. Ou seja, quem desejava rapidez na liberação da marca era ele, né?

  3. O nazismo deixou para o mundo imagens de pessoas que são consideradas personificações do mal. A extrema esquerda brasileira também deixará imagens que inspiram essa associação macabra. Lula e Randolfe, para mim, são representantes diretos do mal. Randolfe parece que, a qualquer momento, vai “virar os olhos” e girar a cabeça 360 graus sobre o corpo (e falar com voz grossa), e Lula dá a impressão de que é o próprio senhor das trevas, no comando de legiões de demônios. São apenas coisas plantadas em nosso imaginário pela nossa cultura, mas não deixam de ser assustadoras.

  4. Li essa notícia com uma sonora gargalhada, um descarrego. Randolfe, o medíocre, é mais sujo que pau de galinheiro. Um canalha se achando arauto da moralidade, mas que todo mundo sabe que ele é tão porco quanto seus comparsas da CPI. O povo está dando gargalhadas do corrupto Randolfe.

  5. A revista oeste precisa fazer um levantamento da produção legislativa desse inútil senador eleito pelo Amapá com pouco mais de 200 mil votos e que tudo judicializa, próprio de um despachante do STF. Até onde pude constatar, votou contra as reformas trabalhista, previdenciária, marco legal de saneamento, MP871 de combate às fraudes da previdência, e pec emergencial.
    Até quando o povo brasileiro vai sustentar 3 inúteis senadores por Estado? Não basta 1 inútil?. O Estado do Amapá tinha em 2018 pouco mais de 500 mil eleitores e nos presenteou com Randolfe, Davi Alcolumbre e outro .
    Reforma política já, com redução de no mínimo 1/3 da Câmara Federal, Assembleias Legislativas e Câmaras Municipais e a somente 1 senador por Estado.
    Vale dizer que só o CONGRESSO NACIONAL tem um orçamento anual de r$ 12 bi.

  6. Se essa matéria fosse escrita pela esquerda, o termo seria, rachadinha!
    A direita tem que melhorar essas manchetes…”doação” para quem só le manchete fica até bonito!

  7. Comprando pesquisas? Foi eleito com pesquisa paga a futuro com dinheiro do povo?
    Os 25 bilhões perdoados do ITAÙ, será é porque comprou o perdão antecipadamente dando alguns milhões para alguns politiqueiros? Tipo marina , randolfe e etc?
    Estão loucos para voltar a compra com futuros pagamentos quando estão nos cargos; a “Odebrejo”, maior empreiteira, que o diga?

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro