Augusto Nunes: ‘Lockdown é conversa-fiada’

Segundo o colunista da Revista Oeste, medidas restritivas só funcionam para quem não sobrevive do salário mensal
-Publicidade-
Augusto Nunes criticou as políticas adotadas por governadores na tentativa de conter o avanço da covid-19
Augusto Nunes criticou as políticas adotadas por governadores na tentativa de conter o avanço da covid-19 | Foto: Reprodução/YouTube

Durante o programa Os Pingos nos Is desta sexta-feira, 19, o jornalista Augusto Nunes criticou a postura de prefeitos e governadores que impuseram aos cidadãos brasileiros medidas restritivas severas. “Num país com as condições sociais do Brasil, o lockdown é conversa-fiada”, afirmou. Segundo o colunista da Revista Oeste, o lockdown foi feito para quem não precisa se preocupar com a conquista da renda mensal. “É o lockdown dos funcionários públicos, dos ricos. Não se aplica a quem tem de sair de casa para buscar a sobrevivência.”

Leia também: “Loquidau, a hipnose”, artigo de Guilherme Fiuza publicado na Edição 52 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

6 comentários

  1. Nessa polêmica sobre o lockdown, a grave atitude partiu do prefeito de Criciúma. O governo federal deveria seguir na mesma direção. Funcionários públicos de todas as esferas poderão optar em ficar em casa, mas sem receber salário.

  2. Mestre Augusto parabéns pelo seu grandioso trabalho em todos os meios de comunicação que o mestre participa.
    Principalmente aqui e nos pingos.
    Esta ideia de Lockdown seria na verdade Fuckdonw!
    Eles querem ferrar com a população!
    Já esta mais que comprovado que este lockdown não é eficiente!
    Um recado para os governadores e prefeitos!
    ” Errar é humano insistir no erro é burrice!”

  3. Lockdown em um país onde a população está dividida em rico, funcionários públicos e pessoas que precisam sair diariamente para trabahar só pode ser criminoso.

  4. Já viu algum funcionário privado decretar lockdown ? Se ele assim o fizer, deixará de receber o seu salário e não terá renda para se alimentar e dar saúde à sua família.

  5. Precisamos de mais jornalistas como voce:comprometido, isento, e com opinião que representa a grande maioria dos brasileiros.
    Parabéns pelo excelente trabalho que vem prestando a todos os brasileiros do bem, Deus o abençoe

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.