-Publicidade-

Bancários fazem ‘lobby’ para evitar aumento de jornada

Câmara dos Deputados incluiu possibilidade em medida provisória, mas sindicalistas querem sua derrubada no Senado [caption id="attachment_272615" align="alignnone" width="1024"] Agentes trabalham seis horas por dia | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil[/caption]…
Governo estuda privatização de BB | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Governo estuda privatização de BB | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil | Bancários - MP - Senado - trabalho

Câmara dos Deputados incluiu possibilidade em medida provisória, mas sindicalistas querem sua derrubada no Senado

Bancários - MP - Senado - trabalho
Agentes trabalham seis horas por dia | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Sindicatos dos milhares de bancários estão se mobilizando para derrubar a possibilidade de os profissionais cumprirem horas extras. A proposta foi incluída pela Câmara dos Deputados na Medida Provisória 936/2020, que dispõe sobre a redução de jornada de trabalho e de salário por causa da crise do novo coronavírus.

Apesar de o conteúdo principal da MP tratar da possibilidade de os empregadores reduzirem a jornada de trabalho e o salário de seus funcionários durante a pandemia, os deputados acharam válido acrescentar o dispositivo que permite o aumento da jornada dos bancários. Pela legislação, os agentes têm uma carga horária de 6 horas por dia.

Leia mais: “Após polêmica, relator desidrata PL das fake news”

Para tentar atender à demanda dos sindicatos, o senador da oposição Fabiano Contarato (Rede-ES) apresentou uma emenda em que pede a derrubada do trecho. Na justificativa, o parlamentar afirmou que “a fixação da jornada de trabalho de bancários em 6 horas é uma conquista histórica, após muita luta, que remete à década de 30 do século passado”.

A MP deveria ser votada nesta quinta, 4, mas após pedido do relator, Vanderlan Cardos (PSD-GO), o texto só deverá ser analisado na próxima semana pelos senadores.

 

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

  1. “A jornada de trabalho de 6 horas é uma conquista histórica, de 30 anos atrás”. A própria afirmação do político mostra que algo precisa ser atualizado e revisto. O bancário é uma categoria que será facilmente substituída pela tecnologia. A luta deveria ser por especialização e treinamento.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês