Barroso afirma que não se arrepende de críticas a Bolsonaro

Em evento da Fundação FHC, ministro do STF declarou que o presidente apoia a ditadura e a tortura
-Publicidade-
Brasília - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso participa da palestra Direito à Água promovida pela UniCEUB | Foto: JOSÉ CRUZ/AGÊNCIA BRASIL
Brasília - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso participa da palestra Direito à Água promovida pela UniCEUB | Foto: JOSÉ CRUZ/AGÊNCIA BRASIL | Brasília - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso participa da palestra Direito à Água promovida pela UniCEUB | Foto: JOSÉ CRUZ/AGÊNCIA BRASIL

Em evento da Fundação FHC, ministro do STF declarou que o presidente apoia a ditadura e a tortura

barroso
Brasília – O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso participa da palestra Direito à Água promovida pela UniCEUB | Foto: JOSÉ CRUZ/AGÊNCIA BRASIL
-Publicidade-

O ministro do Supremo Tribunal Federal Luís Roberto Barroso afirmou que não se arrepende de ter dito que o Brasil tem um presidente que defende a ditadura e a tortura. Contudo, admitiu que errou ao criticar Jair Bolsonaro publicamente. O magistrado alfinetou o presidente durante um evento promovido pela Fundação Fernando Henrique Cardoso na semana passada, conforme noticiou Oeste. Em live com o jornalista Magno Martins na quarta-feira 2, Barroso recordou o episódio e garantiu que, para ele, a conversa era fechada em razão de se tratar de um evento acadêmico.

Leia também: “Depois de atacar Bolsonaro, Barroso vira chacota nas redes”

“Um dos meus deveres, como juiz, é não ter lado. Juiz tem de ser de centro. O que me liberta é que só faço o que eu acho certo. Sirvo o bem e não tenho nenhum interesse nessa vida. A vida me deu tudo o que eu queria. Se participo de um evento em que se fala em tensão na democracia eu não poderia deixar de dizer que houve uma manifestação em frente a um quartel em que se pediu o fechamento do Congresso e do Supremo”, afirmou Barroso na entrevista. Entre outros assuntos, ele comentou as eleições municipais deste ano, informou o portal da rádio Jovem Pan.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

15 comments

  1. Assim como Fachin e Boca-Mole, ele infringiu seus deveres como juiz de Suprema Corte, ao emitir tais comentários ridículos e, ainda por cima, INCORRETOS, sobre outro poder da República.

    Impeachment neles.

  2. Claro que não se arrepende, você é um palhaço togado que gosta de lives com youtuber que analisa pirocas e imita foca. Chegou onde chegou por troca de favores e não méritos.

  3. Na entrevista de ontem, na minha visão deixou clara a posição do Barroso. Ele realmente pensa aquilo q falou, e tinha noção q iria ser divulgado. O Brasil não tem dúvidas quanto a ideologia dos membros do STF, cabe agora ao Presidente da República conseguir a “qualquer custo” a presidencia do Senado, só assim poderemos extrair alguns ministros para moderar e equilibrar os julgamentos no supremo. Vai ser uma batalha para a história.

  4. Barroso é um dos palhaços da Corte, que só fala para canalhas e bandidos comunistas.
    Uma vez canalha, canalha até morrer.
    Pobre de espírito, defensor de terroristas, traficantes e corruptos.
    O povo não quer fechar o STF, o povo quer tirar os corruptos, canalhas e palhaços de dentro da Suprema Corte, para que essa instituição volte a ser respeitada.

  5. O Sr. Barroso teve direito a sua opinião e eu tenho , portanto, direito a minha: o STF é que tem sido uma ameaça à democracia pois prende e censura,investiga e é vítima, acusa o presidente de ser autoritário e o STF tem sido. Na minha opinião e da maioria do povo brasileiro, Bolsonaro tem sido um esteio da nossa democracia. Barroso inverteu os fatos , portanto.

  6. Pior STF que o o Brasil ja teve. Essas indicações para o STF não deveria ser por apadrinhamento. Deveria ser feito por concusrso publico.

  7. Difícil esperar isenção de um Ministro do STF que assume publicamente ser um militante de esquerda, confirmando o que havia dito do Governo Bolsonaro.

  8. Não da para se esperar muita coisa de um ministro defensor de terrorista, MST, PSOL, PT e todos que apoiam as ditaduras da Venezuela e Cuba. Como sempre, êles acusam os outros do que são.

  9. Seria muito bom se os ministros atuais do stf (é minusculo mesmo) se comportassem como os antigos. Ministro do stf só tem o direito de falar nos autos. Ponto final.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site