Barroso divulga vídeo de apologia da descriminalização da maconha

'Merece ser visto com atenção e respeito', disse o juiz do STF
-Publicidade-
O ministro preside o TSE
O ministro preside o TSE | Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Luís Roberto Barroso, compartilhou no Twitter um vídeo pró-maconha. Nas imagens, uma mulher identificada como Tereza defende a descriminalização do entorpecente. “O depoimento dessa senhora vale por alguns tratados jurídicos e sociológicos. Merece ser visto com atenção e respeito”, publicou o juiz, na noite do sábado 8. “Legaliza essa porcaria. Começa a vender lá na farmácia que eu quero ver os grandes empresários se matarem iguais aos nossos estão se matando por um dinheiro que nem é deles. Porque eles vendem droga, morrem por causa da droga, são presos por causa da droga, mas nenhum de nós, nenhuma de nós tem o dinheiro da droga para pagar um advogado para ele”, declara Tereza.

A mulher vai além: “Legaliza! Vai fumar quem quiser fumar, porque ninguém será obrigado a fazer nada, porque proibido já tá; mesmo assim, tá todo mundo fumando. Esse é um ponto.” Em outro trecho, Tereza debita na conta do Estado a responsabilidade por alguém se tornar bandido. “Ninguém faz um filho para se tornar criminoso. No caminho da vida ele pega um atalho e para no cárcere, e essa responsabilidade não pode ser nossa. Metade dessa responsabilidade é do Estado, que não nos dá melhores condições de criar os nossos filhos, que protege meia dúzia de riquinho. Porque o pau que bate em Chico não dá em Francisco, e esse pau precisa começar a bater do lado de lá. Vamos reivindicar os nossos direitos, com sabedoria e determinação”, conclui. Assista, depois do anúncio.

Leia também: “Um Supremo que virou partido”, artigo de J. R. Guzzo publicado na Edição 59 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

30 comentários

  1. Que esse senhor é um esquerdopata filho de uma pata todo mundo já sabe…vide seu posicionamento na questão do voto auditável! Agora, que ele também é parça dos noia …. aí é novidade!

    1. Segundo um toxicologista da USP a única droga que ele baniria no mundo seria a maconha pois ela causa danos irreversíveis no cérebro, acho que esta figura não tem conhecimento disso, pobre ignorânti

    1. Com todo o perdão pela palavra mas que putaria é esse STF, tem os ministros que defendem bandido e agora tem o ministro que defende droga ,já passaram do ponto , não será um cabo e um soldado mas o povo que já perdeu toda paciência com esses abutres da justiça

      1. O ministro Barroso nunca se livrou do comportamento de professor universitário esquerdista e irresponsável, favorável às drogas, ao sexo livre, ao aborto e à destruição da família.

    2. Com todo o perdão pela palavra mas que pataria é esse STF, tem os ministros que defendem bandido e agora tem o ministro que defende droga ,já passaram do ponto , não será um cabo e um soldado mas o povo que já perdeu toda paciência com esses abutres da justiça

  2. Típico do esquerdista: o bandido é vítima do Estado e da sociedade. Legalizar o uso da maconha será a porta para outras drogas piores e nada da criminalidade relacionada ao tráfico será resolvida.

  3. Minha pergunta é, KD os vagabundos do SENADO? Esse cara é político e não ministro da suprema corte… Porque ele não desce da posição e vem se eleger para concorrer a uma vaga? Ficou fácil eleger POLÍTICOS sem votar…

  4. Perguntou-lhe Pilatos:
    – Que é a verdade?
    E dito isto, de novo saiu a ter com os judeus, e disse-lhes:
    -Não acho nele crime algum.
    Essa narrativa encontramos no Evangelho de João capítulo 18 versículo 38.
    E a pergunta dele continua reverberando na mente e nos corações dos incrédulos.
    A escolha também no Evangelho de João, lemos: ‘e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará…’ , faltou dizer: Se vós permanecerdes na minha palavra, verdadeiramente sois meus discípulos;
    Assim, se queremos um Libertador, há que crer e obedecer.
    Não são com imagens subliminares e ideias sub-reptícias como essas apresentadas, que os coações e as consciências serão mudadas.
    Fiquemos atentos!

  5. Se um ministro do STF defende a droga… Ele não sabe o que significa isto. Dá a entender que ele é maconheiro. Não conhece nada do assunto.

  6. Um juiz que tem opinião pública e notória sobre um assunto certamente teria a sua imparcialidade comprometida em qualquer ação que viesse julgar, mas para Luís Roberto isso jamais seria pedra de tropeço para suas performances ideológicas no palco iluminado do Pretório Excelso.

  7. Que já não batia bem fazendo lives com Felipe Neto todos sabíamos, mas elogiar essa “doutrinada” na apologia da droga com as péssimas condições sociais de brasileiros que sequer tem saneamento básico para os quais o Barroso e os super funcionários públicos de sua estirpe se interessam em socializar seus rendimentos, já é comportamento de “UMA PESSOA HORRÍVEL, UMA MISTURA DO MAL COM O ATRASO E PITADAS DE PSICOPATIA”, como ele próprio qualificou seu colega Gilmar Mendes em acirrada discursão no plenário do STF ao vivo.
    Agora, uma figura dessas e seus coleguinhas preocupados com o VOTO IMPRESSO, ai sim, devemos ficar preocupados, e apoiar insistentemente a única forma de AUDITAR e se necessário RECONTAR as URNAS ELETRÔNICAS DO BARROSO nas eleições de 2022.

  8. Fico me elocubrando, a serviço de quem, com metralhadoras apontadas para as suas costas, estão esse tipo de”poste”.
    Muito triste ser capacho de orcrim, viver sob pressão.

  9. Barroso (o nome dele já diz tudo. Um monte de esterco). Um maconheiro, abortista, defensor de terrorista, de drogado e de bandido. Um déspota trajado de insignificância. As decisões dele e as posições o definem e o desqualificam para uma função que devia honrar a pátria e garantir o desejo das famílias brasileiras que em sua imensa maioria são cristãs e estão inojadas dessa corte de palhaços do STF. #EuAutorizoPresidente. Coloca esses desqualificados do STF na rua da margura.

  10. Esse é o pseudo-iluminista que ainda ocupa uma cadeira no pequeno stf. “Falar somente nos autos”? Isto só se aplica a verdadeiros juízes.

    E quando vier uma ação relativa à legalização de drogas? Ele vai se recusar a julgá-la, tendo se manifestado previamente a favor das mesmas? Ser abjeto.

  11. A “Teresa” é um exemplo típico do que se passa na cabeça de muitos brasileiros desinformados. Nosso estado e nossa constituição retiram o poder do cidadão, interferem na economia, facilitam o oligopólio, não respeitam a propriedade privada. Não é a toa que a esquerda esteja desesperada em retomar o poder. Em resumo, como querer que um brasileiro comum vá entender isto com tanta propaganda comunista na mídia, nas escolas e nas conversas entre as pessoas?

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro