Bolsonaro envia ao Congresso projeto de lei que altera o Marco Civil da Internet

Medida estabelece regras para as donas das redes sociais
-Publicidade-
Governo sustenta que a medida assegura a liberdade de expressão
Governo sustenta que a medida assegura a liberdade de expressão | Foto: Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro enviou um projeto de lei (PL) para o Congresso Nacional que altera o Marco Civil da Internet. Assinado no domingo 19, o texto prevê regras para o uso e moderação de conteúdo nas redes sociais.

A proposta estabelece o “direito de restituição do conteúdo” do usuário e a “exigência de justa causa e de motivação” nos casos de cancelamento, suspensão de funcionalidades de contas ou perfis e exclusão de conteúdo.

Além disso, a big tech será obrigada a notificar o usuário sobre medidas adotadas e avisá-lo acerca de “prazos, canais eletrônicos de comunicação e procedimentos para a contestação, bem como a eventual revisão da decisão.”

-Publicidade-

Segundo o governo, o objetivo do PL é manter a “observância dos princípios da liberdade de expressão, de comunicação e manifestação de pensamento, previstos na Constituição Federal.”

Conforme noticiou a Revista Oeste, a matéria havia sido enviada ao Senado em forma de Medida Provisória. Contudo, o presidente da Casa, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), rejeitou o texto e devolveu ao Palácio do Planalto.

Leia também: “Os novos senhores do mundo”, artigo de Ana Paula Henkel publicado na Edição 43 da Revista Oeste

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.