Bolsonaro: Fachin, Moraes e Barroso agem ‘como adolescentes’

'Difícil continuar três ministros do STF agindo dessa maneira. É uma perseguição clara à minha pessoa', disse o presidente
-Publicidade-
Presidente Jair Bolsonaro | Foto: Clauber Cleber Caetano/PR
Presidente Jair Bolsonaro | Foto: Clauber Cleber Caetano/PR

O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou criticar nesta quarta-feira, 16, os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso, Alexandre de Moraes e Edson Fachin. Os três também atuam no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O chefe do Executivo disse que eles agem “como adolescentes” e os acusou de querer torná-lo inelegível na “base da canetada” para beneficiar o ex-presidente Lula (PT), que deve ser seu principal adversário nas eleições deste ano.

-Publicidade-

“Difícil continuar três ministros do STF agindo dessa maneira. É uma perseguição clara à minha pessoa… Essas três pessoas não contribuem com o Brasil em nada”, disse o presidente, em entrevista à Jovem Pan.

Bolsonaro ainda afirmou que os ministros tentam desgastar o governo para “eleger seu candidato, que é o Lula”. Ele disse, ainda, que “jamais faria o que ele (Fachin) fez, dando início à anulação do julgamento do sr. Lula”.

O comentário faz referência à decisão do ministro, em março do ano passado, de anular todas as condenações do ex-presidente pela Justiça Federal no Paraná relacionadas à Operação Lava Jato. “Querem entregar a faixa ao ex-presidiário Lula”, defendeu.

Urnas

Em mais um momento de confronto com ministros do STF, Bolsonaro rebateu Fachin, que citou a Rússia como origem da maior parte dos ataques hackers contra a Justiça Eleitoral brasileira. O presidente classificou a fala como constrangedora, em um momento no qual está em viagem ao País.

“Não estou na Rússia para programar ataque hacker a computadores do TSE”, disse o chefe do Executivo.

“O próprio Fachin acaba de comprovar no meu entender que ele não tem confiança no sistema eleitoral, eu não sei o que está passando na cabeça deles. Se o sistema eleitoral é inviolável, por que essa preocupação? Acabaram de comprovar que pode ser violável”, afirmou Bolsonaro durante a entrevista.

Economia

Na entrevista, Bolsonaro também negou que o governo federal esteja tentando furar o teto de gastos. “Não temos por que fazer qualquer aventura (na economia), depois de 3 anos”, afirmou.

A fala do chefe do Executivo é uma resposta a críticas feitas por especialistas e por setores do mercado financeiro de que a gestão estaria abandonando o discurso de austeridade fiscal.

A avaliação é de que o Executivo tem patrocinado projetos de lei que autorizam o governo a gastar, como a PEC dos Precatórios. O objetivo seria impulsionar a reeleição de Bolsonaro.

O presidente também falou sobre a tragédia das chuvas em Petrópolis (RJ), que deixaram ao menos 94 pessoas mortas. Ele anunciou que vai editar uma Medida Provisória para liberar recursos ao município. Os detalhes devem ser anunciados pelo governo nos próximos dias.

Com informações do Estadão Conteúdo

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

42 comentários Ver comentários

  1. Ou se renova o senado por votos conscientes para afastar esses togados militantes,
    ou se renova o STF pela maneira não democrática.
    Já passaram de todos os limites admissíveis.

  2. O presidente foi até diplomata, ao chamar os 3 “notáveis sem saber jurídico” de adolescentes, para não chamar de moleques provocadores chamando pra briga.

  3. “Quando você perceber que para produzir, precisa pedir licença a quem não produz coisa alguma; quando perceber que o dinheiro flui mais para quem negocia, não com bens, mas com favores; quando perceber que, mais do que pelo trabalho, muitos enriquecem com o suborno e tráfico de influência, quando perceber que as leis não nos protegem deles, mas, ao contrário, são eles que estão protegidos de você; quando perceber que a corrupção é recompensada, e a honestidade se converte em auto-sacrifício, então poderá afirmar, sem temor algum de errar, que a sua sociedade está condenada”.

    Ayn Rand, 1905 – 1982, escritora, dramaturga, roteirista e filósofa norte-americana de origem judaico-russa.

    1. Pois é, neste ano nós teremos uma grande oportunidade de começar a mudar este jogo. As eleições darão a rara oportunidade de mudar as peças e colocar pessoas minimamente honradas, pois já começa ajudar. Porém a mudança tem que vir do povo, conversando em todos os locais onde se vá, escola, faculdade, igreja, clube, associação de moradores, enfim, onde estiver, não se pode perder a oportunidade de falar a verdade sobre o que acontece e os reais culpados por termos chegado tão raso. Olavo de Carvalho dizia “Nós temos a cereja do bolo, que é o PR Bolsonaro, falta construir todo o bolo agora!”.

  4. Isso se nós tivermos essa possibilidade. O Presidente está coberto de razão, “eles” estão fazendo o possível e até mesmo o impossível para torná-lo inelegível.

  5. Quanto mais se consolidam as próximas mudanças no Senado, Câmara e reeleição de Bolsonaro, mais aumentam os alarmismos histéricos do pessoalzinho contrariado. Apesar disso o Brasil caminha vigorosamente e depois da reeleição muitos processos vão caminhar assim também e novos vão surgir. É compreensível o (inútil) desespero.

  6. Finalmente nosso PR saiu da defensiva e chamou as coisas pelo nome que as coisas tem. Três “ministros” que não honram a toga que vestem!!

  7. Bolsonaro estava na Rússia, agora está na Hungria, recentemente esteve nos Emirados Árabes, todos com grande resultado comercial e de relacionamento ao final. Esses “ministros” e demais políticos vagabundos como o molusco não conseguem nem ir até a Avenida Paulista tomar um sorvete sem tomar uma tomatada no meio da cara. E ainda se acham certos!

  8. O senado teria que se posicionar. Pelo amor de Deus, que tipo de gente é esta? Perderam a vergonha, moral nunca tiveram, conhecimento nenhum e despotismo total.

  9. O Brasil não merece ter na corte três marginais, que só atrapalham o desenvolvimento, notórios defensores do criminosa lulla…até quando?

  10. Como tenho dito: sou de SP. Alguém sabe o nome dos 3 senadores do estado mais rico do Brasil? Qual a posição do Serra, Mara Gabrili e do substituto do Major Olímpio sobre esses assuntos atuais?

    1. Esses senadores por São Paulo vão condenar é a fala do Bolsonaro contra esses 3 ministros que infernizam a paciência de Bolsonaro e de seus eleitores. Será que pensam que Bolsonaro tomou o poder de forma antidemocrática?
      Quanto ao Senado Federal, para que precisamos de 3 inúteis senadores por Estado? Não basta 1 inútil desses que seguramente reduzirá essa dispendiosa CASA Legislativa em aproximadamente R$4 bi anuais?
      Sou também de SP e não consigo entender como somos limitados por LEI que entendo inconstitucional à somente 70 deputados federais com 33 milhões de eleitores (2018) que proporcionalmente caberiam 115 , e o Amapá do inútil senador RANDOLFE com pouco mais de 500 mil eleitores tem 8 deputados. Apurei também que os eleitores de 16 Estados somam 32 milhões de eleitores e possuem 145 deputados federais. Portanto, dá para entender qual a qualidade da produção Legislativa da Câmara Federal, com nosso voto dos paulistas valendo muito menos que o voto desses 16 Estados. Lembro ainda, que essa distorção de SP não ocorre com os demais grandes Estados. É muito importante que as instituições paulistas questionem a constitucionalidade dessa Lei, muitos bons candidatos de SP não se elegem com essa restrição.

      1. E por falar em Randolfe , este foi eleito senador com apenas 208 mil votos.(!)

    2. É isso, alguém aí tem alguma esperança de sair alguma coisa diferente de m…. vindo desses três??? Olha o nosso estado, que situação, SP move este país, e está nas mãos de gente como essa. E só piora táh!!! Pois se olhar para a câmara dos deputados temos o fruta, por exemplo …

  11. Nossos comentarios compilados podem ajudar algum ser que por distração ainda pense em VOTAR no EX- PRESIDIARIO .
    Começamos pelos ministros do STF , apenas um é JUIZ DE CARREIRA , logo os outros nem deveriam ter sido indicados , tem um que prestou concurso para juiz e foi reprovado DUAS VEZES .
    Este tal de FACHIN que DESCONDENOU o LULALADRAO , foi advogado do MTST e ainda defensor da candidatura da DILMA IDIOTA , ( Esperar o que deste verme).
    Precisamos de pelo menos mais 04 anos de Presidencia do BOLSONARO , enquanto isto preparamos o ministro TARCISIO DE FREITAS como governador de SÃO PAULO.

  12. Excelentes colocações! Mas quem está dormindo em ” berço esplêndido” sem cumprir com suas responsabilidades é o Senado!!! Onde anda esse povo, balizador das atitudes do STF? Estão desaparecidos, acovardados?

    1. Paulo,
      lembre-se que no senado mais da metade dos 81 ‘senadores’ tem dividas com a justiça e, portanto, vivem de trocar favores com o stf….
      a começar pelo Pachequim, vagabundo, safado, rato que nao tem coragem de fazer o seu papel e nem abre as midias sociais para receber ‘comentários’do povo que o elegeu….Bando de VAGABUNDOS. isso é o que são!

  13. A gente comenta aqui só para constar na estatística da revista. Mas, os leitores devem saber muito bem o que está acontecendo. O Fachim poderia causar um incidente diplomático grave. E o STF como partido clandestino está fazendo como a máfia do futebol. Querem dar o título a algum time de qualquer maneira. Parodiano a Dilma, o STF quer fazer o diabo nessa eleição. Para isto já subornaram o juiz, os bandeirinhas, dopam os jogadores de seu time, dão uma “forcinha” para os jornalistas que cobrem o setor e ainda por cima, prometem uma gorjeta para jogadores do outro time para amolecer ou fazer um pênalti infantil para dar vitória ao seu time. Ah, e colocam um hacker russo no controle do VAR…

  14. Quanto a agir como moleques, não há dúvida, o problema é que já estão velhos, já passaram do ponto de um amadurecimento saudável, suas personalidades já se formaram completamente, já se tornaram medíocres, covardes, prepotentes e inevitavelmente prejudiciais ao País.
    Pessoas limitadas, complexadas, cujas frustações não conseguiram resolver a contento, revoltadas que são pós doutrinação marxista, somente encontram solução para suas inadequações à vida mudando a sociedade aos seus feitios, inaptos à uma pacifica convivência com pluralidades de pensamentos, ideias, sentimentos e convicções, com o poder nas mãos, demonstram todo o totalitarismo dos socialistas/comunistas!
    Até quando?

    1. Comentário perfeito, Marco Polo! É isso mesmo! São ministros totalitários, incapazes de seguir a Constituição – independência e harmonia entre os poderes – e são avessos à pluralidade de ideias. Está na gênese do comunismo marxista o partido único e a eliminação completa dos opositores. Isso está tão fortemente arraigado na maioria dos ministros que um coopta o outro descaradamente, não importa se o que eles fazem é contra as leis ou contra o país. É o corporativismo deles que deve prevalecer. Até quando o povo se rebelar e expulsar essa corja do STF por meio de uma revolução.

    1. Concordo amigo , ja observo isso a tempos e me pergunto : essas figuras do STF nao tem o que fazer nas suas obrigacoes cotidianas, abriram mao de julgar os processos que prescrevem e/ou caducam por intencoes obvias pros äliados corruptos , vao trabalhar cambada vcs nao foram eleitos pelo povo , politizam tudo com um so objetivo mais nada( derrubar o Bolsonaro), vao secar , vao vendo!

  15. Certa vez o molusco disse “têmus ua çuprema corti totaumenti hacovardada!”. Pois é, agora somos nós que temos um senado totalmente acoado e acovardado.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.