-Publicidade-

CGU retomará acordos de leniência, garante Rosário

Controlador-geral da União prevê que oito negociações serão celebradas este ano
O ministro da Controladoria-Geral da União, Wagner Rosário | Foto: Divulgação/Agência Brasil  A Controladoria-Geral da União retomará as n
O ministro da Controladoria-Geral da União, Wagner Rosário | Foto: Divulgação/Agência Brasil A Controladoria-Geral da União retomará as n | Foto: Divulgação/Agência Brasil

A Controladoria-Geral da União retomará as negociações de acordos de leniência em 2021. É o que garante o chefe do órgão, Wagner Rosário. Esses acordos são firmados com grandes empresas envolvidas em casos de corrupção. Em troca de benefícios judiciais, as companhias se comprometem a auxiliar o poder público com as investigações e devolvem dinheiro desviado. Ainda segundo Rosário, no ano passado, apenas um acordo de leniência foi assinado. Para este ano, a previsão é fechar sete ou oito negociações. “Com elas, conseguiremos não apenas sancionar as empresas envolvidas com corrupção mas também recuperar recursos que, até então, estavam perdidos”, declarou Rosário, em entrevista ao programa Brasil em Pauta, da TV Brasil.

Leia também: “Renan promete anistia a hackers da Lava Jato”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês