-Publicidade-

Covid-19: vacinação nacional começa às 17h de hoje

É o que informou o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, em entrevista coletiva depois de reunião com governadores
Até o momento, apenas profissionais da saúde foram imunizados com a CoronaVac no Estado de São Paulo
Até o momento, apenas profissionais da saúde foram imunizados com a CoronaVac no Estado de São Paulo | Foto: Fepesil/Estadão Conteúdo

O ministro Eduardo Pazuello anunciou nesta segunda-feira, 18, que a vacinação nacional contra o novo coronavírus começará às 17 horas de hoje — o processo estava previsto para a quarta-feira 20. É esse o horário esperado para que as doses da CoronaVac (conhecida na internet como “vachina”) cheguem a todos os Estados. “Ficou combinado, então, que nós distribuímos tudo hoje e começamos a vacinar no fim do dia, a princípio, às 17 horas”, declarou o ministro, ao lado de governadores, em entrevista coletiva.

Até o momento, apenas profissionais da saúde foram imunizados no Estado de São Paulo. A “vachina” foi testada no Brasil pelo Instituto Butantan, que também importou da China 6 milhões de unidades. Conforme noticiou Oeste no domingo 17, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou os imunizantes feitos pela Universidade de Oxford e pelo laboratório chinês Sinovac. Até o momento, a “vachina” tem 50,38% de eficácia, pouco mais que o mínimo recomendado pela Organização Mundial da Saúde (50%).

Leia também: “A verdade sobre a ‘vachina'”, reportagem publicada na edição 32 da Revista Oeste

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

11 comentários

      1. Jamais usei calça apertada, nem nos tempos da Jovem Guarda (putz!….) e também não sou de São Paulo, sou um mineiro maneiro. kkkkk….

      2. Kkkkkkkkkkk,. Você é um mineirinho ridículo, deixe o Dóriavac virar a esquina, e torce,muito, pra vacina dar certo, senão ninguém vai ver ele tão cedo, e logo logo o Kalil vai te obrigar a tomar também e vai sair correndo, dobrar a esquina e entrar no mesmo porão, Onde se esconde os ratos, Ou é Miami?

      3. kkkkk… Não sou de Belzonte. Te peguei! E tem outra, aquele turco vagabundo tem que ser muito macho para me obrigar a tomar essa vacina. E nem vou para Miami, ainda mais agora com aquele Zé Bidê dando as cartas por lá.

  1. Já dobrou a esquina rumo a lata de lixo da história, isso sim. Uma vacina pífia ao custo de 22 bilhões de reais em parceria com os (ir)responsáveis originais pelo vírus. Realmente, motivo de júbilo para os paulistas!

    1. Concordo totalmente com você, porém o caso aqui é apenas uma disputa política, portanto algo cheio de pancadas abaixo da linha da cintura, chutes no saco, caneladas e outras barbaridades. E quanto a isso, o psicopata Doriana domina esse terreno pantanoso como ninguém.

    2. O Dória queimou a largada, quem queima a largada sempre acaba se dando mal.
      Aliás queimar alguma coisa ele entende bem, principalmente queimar rosca.

  2. Algumas perguntas que não consigo calar: 1 – como pode a China, com quase um bilhão e quatrocentos milhões de habitantes, onde a pandemia começou, não ter atingido nem perto de dez mil mortos???!!! 2 – como pode a China estar com uma economia a todo vapor, enquanto países de economia sólida, como a Alemanha, estão sofrendo com o encolhimento do desenvolvimento econômico, em decorrência dessa mesma pandemia ???!!! 3 – QUAL A MÁGICA DA CHINA???!!!

  3. Será que terão a honestidade intelectual de informar, principalmente a idosos e portadores de comorbidades que, como alertou a ANVISA no caso Coronavac, a quantidade de idosos no estudo foi insuficiente para determinar a eficácia e a segurança da vacina?

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês